Google+ Followers

domingo, 25 de março de 2012

Namahage, o demônio que não gosta de preguiça

Apesar da aparência, o Namahage não é mau – exceto para os preguiçosos

Namahage é um oni (demônio, em japonês), que faz parte do folclore da província de Akita, norte do Japão. Trata-se de uma criatura com aparência feroz, com o rosto vermelho ou azul, longos cabelos e roupas feitas de palha. Assim como o kappa, tanuki e kitsune, entre outros, o Namahage é um yokai, seres fantásticos que fazem parte do folclore japonês.

O Akita Kenjin do Brasil criou um painel para fotos divertidasO Akita Kenjin do Brasil criou um painel para fotos divertidasNo Brasil, o personagem costuma circular pelo espaço do Festival do Japão. No estande da Associação Akita Kenjin do Brasil, havia um cartaz explicando o personagem.


Consta que, no dia 31 de dezembro, algumas pessoas se vestem de Namahage, usando máscaras vermelhas ou azuis e uma capa de palha; carregam uma faca de cozinha ou um bastão, junto com um balde. Elas, então, saem para para visitar as casas do vilarejo para assustar as crianças preguiçosas e desobedientes. Ou seja, é análogo ao Bicho-Papão e Homem do Saco no Ocidente.

De acordo com o livro Yokai Attack! The Japanese Monster Survival Guide (de Hiroko Yoda e Matt No Brasil, o Namahage pode ser visto no Festival do JapãoNo Brasil, o Namahage pode ser visto no Festival do JapãoAlt, sem tradução para português), o nome Namahage é “uma contração coloquial das palavras namomi (bolha de queimadura, no dialeto local) e hagu (descascar)”. Isso faz referência às pessoas que ficam por tempo demais aquecendo os pés na lareira (na região norte do Japão faz muito frio), enquanto deveriam estar trabalhando. Os trajes do yokai remetem às roupas tradicionais que os camponeses usavam durante o trabalho na lavoura; pelo mesmo motivo, o Namahage carrega instrumentos agrícolas.


No Japão, a figura do demônio pode representar tanto o bem como o mal. A interpretação mais comum é que, com sua aparência, eles espantam doenças e maus espíritos.

Fonte: http://madeinjapan.uol.com.br

2 comentários:

  1. Gostei muito desse Namahage, por aqui no Brasil ele ia ter muito trabalho, principalmente com os político, que fingem trabalhar, rsrsrs

    Mais sendo sincera, as vezes ele iria me perturbar também, pois tem dias que nem quero levantar só ficar na preguicinha, no ar condicionado e filme, rsrsrs

    Beijocas de jujuba.(??)
    Lua.

    ResponderExcluir
  2. Kakakakakakaka
    Muitas risadas!!!

    Eu faço ideia de como ele se cansaria em Brasilia!!! rs
    Vou mandar ele para lá rs
    Não vai sobrar um político rs

    Todos temos aquele dia em que não temos vontade de fazer nada, não é mesmo?! rs

    Eu estou precisando de férias rs, viajar...

    Fazem 6 anos que não vou pra canto algum... kakakakaka
    Não sobra "tempo", sabe?! rs

    Beijocassssss

    Ah!!! AMO jujuba!!!!

    ResponderExcluir