Google+ Followers

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Fatos históricos do dia 19 de janeiro


Morre a Pimentinha

Em 19 de janeiro de 1982, morre Elis Regina, em São Paulo, por intoxicação exógena aguda. O corpo da cantora é levado para o Teatro Bandeirantes, onde é velado. Elis veste a camiseta que não pôde ser usada no show Saudade do Brasil,com seu nome no lugar de Ordem e Progresso, da bandeira brasileira.

1736 - Nasce Jacobo Watt, britânico, inventor da máquina à vapor.
1795 - Começa a funcionar a Escola Normal de Maestros, na França.
1809 - O Exército francês de Soult vence em La Coruña os ingleses de Wellesley, que se vêem obrigados a recuar.
1809 - Nasce Edgar Allan Poe, escritor americano.
1819 - Morre Carlos IV, rei da Espanha.
1880 - O Congresso espanhol vota a abolição da escravidão em Cuba.
1899 - Chegam a Sevilha os supostos restos mortais de Cristóvão Colombo, transportados pelo trem Giralda.
1910 - Um incêndio destrói o palácio de Cheregan, em Constantinopla, sede do Parlamento turco.
1920 - Nasce Javier Pérez de Cuéllar, diplomata e político peruano, ex-secretário geral da ONU.
1937 - Inauguração, em Salamanca, da Rádio Nacional da Espanha.
1941 - É anunciado no Japão a "Nova Ordem na Ásia Oriental".
1944 - Durante a Segunda Guerra Mundial, a força aérea britânica lança 2,3 mil toneladas de bombas sobre a capital alemã de Berlim.
1966 - Indira Gandhi é eleita chRedação Terra de governo da Índia, primeira mulher que ocupa o cargo.
1981 - Os Estados Unidos e o Irã assinam um acordo que resulta na libertação de 52 norte-americanos mantidos como reféns por mais de 14 meses.
1982 - Elis Regina morre aos 36 anos de idade. Cantora gaúcha foi uma das mais importantes intérpretes da geração pós-bossa nova no aís.
1985 - Queda de um avião em Cuba, na cidade de São José das Lajes, mata 40 pessoas.
1986 - Babrak Karmal é reeleito chRedação Terra do Presídio do Conselho Revolucionário de Afeganistão.
1983 - A África do Sul volta a governar a Namíbia após cinco anos de governo semi-autônomo no país.
1992 - Zhelyu Zhelev, chRedação Terra de Estado da Bulgária desde 1990, é ratificado em seu cargo nas urnas e se converte no primeiro presidente do país eleito democraticamente.
1996 - Marcelino Camacho perde a presidência da central sindical CC.OO, na Espanha e Antonio Gutiérrez é reeleito secretário geral, com 66,3% dos votos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário