Google+ Followers

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Japão vai rever a lei de venda de animais de estimação “on-line”





O Ministério do Meio Ambiente confirmou que vai rever a lei que restringi o comércio de animais de estimação “on-line”. A nova lei deverá exigir a presença tanto do comerciante como do comprador no momento da venda dos animais. Outra medida imposta é referente ao tempo de exposição dos animais em lojas, oito horas diárias para evitar o estresse nos animais. Segundo uma pesquisa realizada pelo ministério as transações “on-line” incluindo leilões na internet nos últimos anos fez crescer de 5 a 7% o tráfico de animais no Japão.


Com a nova lei o ministério pretende tornar o mercado de animais domésticos mais transparente tanto para quem compra ou vende, com base de informações da procedência do animal, seu estado de saúde, forma correta de criação e até sistema de rastreamento de animais caso seja necessário para controle de doenças hereditárias. Para evitar problemas posteriores nos animais a nova lei exigirá que os filhotes sejam mantidos mais tempo aos cuidados de suas genitoras, durante um período considerado necessário antes de serem colocados a venda.

Fonte: International Press


Nenhum comentário:

Postar um comentário