Google+ Followers

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

24 de agosto de 79 - As cidades de Pompeia e Herculano são destruídas pela erupção do vulcão Vesúvio.





Vesúvio é um estratovulcão localizado no Golfo de Nápoles, Itália, a cerca de 9 quilômetros a oeste de Nápoles e à curta distância do litoral. É o único vulcão no continente europeu a ter entrado em erupção nos últimos cem anos, embora atualmente esteja inativo. Os dois outros principais vulcões ativos da Itália, Etna e Stromboli, estão localizados na ilha de Sicília.



O Vesúvio é mais conhecido pela erupção em 79 d.C., que resultou na destruição das cidades romanas de Pompeia e Herculano. Ambas jamais foram reconstruídas, apesar de habitantes sobreviventes e saqueadores ocasionais terem realizado diversos despojos nos escombros. A localização das cidades foi eventualmente esquecida, até serem acidentalmente redescobertas no final do século XVIII.


A erupção de 79 também mudou o curso do rio Sarno e aumentou a área litorânea do entorno. O Vesúvio em si passou por diversas alterações significativas – suas encostas ficaram desmatadas e seu pico mudou consideravelmente devido à força da erupção. Desde então, o vulcão entrou em atividade diversas vezes, sendo considerado atualmente um dos mais perigosos do mundo devido a sua tendência de erupções explosivas e à população de 3,000,000 habitantes em suas cercanias, o que faz desta a região vulcânica mais populosa do mundo.

Pompéia


Pompeia foi outrora uma cidade do Império Romano situada a 22 quilômetros da cidade de Nápoles, na Itália, no território do atual município de Pompeia. A antiga cidade foi destruída durante uma grande erupção do vulcão Vesúvio em 79 d.C.


A erupção do vulcão provocou uma intensa chuva de cinzas que sepultou completamente a cidade, que se manteve oculta por 1600 anos antes de ser reencontrada por acaso. Cinzas e lama moldaram os corpos das vítimas, permitindo que fossem encontradas do modo exato em que foram atingidas pela erupção do Vesúvio. Desde então, as escavações proporcionaram um sítio arqueológico extraordinário, que possibilita uma visão detalhada na vida de uma cidade dos tempos da Roma Antiga.

Herculano


Herculano (em latim Herculaneum e italiano Ercolano) era uma antiga cidade romana na região da Campânia, província de Nápoles. Ficou muito conhecida por ter sido conservada, junto com a cidade de Pompeia, depois de ter sido soterrada pela cinzas da erupção do vulcão Vesúvio em 79 d.C.. Muitos dos seus habitantes morreram devido à erupção, e a cinza modelou seus corpos na posição que estes tinham no momento da sua morte. Apesar de ser menor que sua vizinha Pompeia, Herculano era muito mais próspera.

As escavações na cidade de Herculano começaram no ano de 1738. Ao fim do século XVIII começaram a descobrir uma grande diversidade de objetos, como pinturas murais, mesas de três pés e porcelanas.


O primeiro descobrimento importante de esqueletos romanos do século I se deu em Herculano. Dado que os romanos geralmente praticavam a cremação de seus mortos até o século III, ficava difícil encontrar fósseis anteriores a essa época. As escavações realizadas na década de 1990 na área do porto de Herculano trouxeram à luz mais de duzentos esqueletos de diversas idades, sexos e condições sociais.

Herculano continua sendo escavada e muitos objetos estão sendo encontrados.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

3 comentários:

  1. Maravilha de postagem! Há muito tempo atrás assisti uma reportagem na "Discory Channel" e amei.
    Incrível o que a força da natureza pode fazer, e mesmo com tantas evidências, o ser humano continua desafiando a "sorte".
    Beijos de paz!!!!
    Lua.

    ResponderExcluir
  2. Oi Amiga Lua,

    alguns meses atrás teve a exposição de "Pompéia", mas eu não pude ir por causa do trabalho...
    Foi uma pena...
    Realmente, o homem ainda desafia a natureza...
    Vamos ver o que isso vai dar...
    Abraxos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoreiiiiiiiii adoro essas coisas se puder compatilhem meu blog por favor lulifashionblog.blogspot.com

      Excluir