Google+ Followers

domingo, 19 de agosto de 2012

Fatos históricos do dia 19 de agosto

Morre Garcia Lorca


Em 19 de agosto de 1936, Federico Garcia Lorca é assassinado, sendo uma das primeiras vítimas da Guerra Civil Espanhola. No início de sua carreira, sofre influência de Buñuel e do mestre do surrealismo, Salvador Dali. Lorca é o poeta espanhol mais conhecido, só perdendo para Cervantes no número de edições e traduções.

1587 - O papa Sisto V proclama uma Cruzada católica para invadir a Inglaterra.
1662 - Morre Blas Pascal, filósofo e cientista francês.
1692 - Um padre e cinco mulheres condenadas por bruxaria são executados em Salem, Estado norte-americano de Massachusetts.
1770 - O navegador britânico James Cook, conhecido como capitão Cook, toma posse formalmente, em nome de seu rei, da costa sudeste da Austrália.
1848 - O jornal Herald, de Nova York, destaca as reservas de ouro na Califórnia. A reportagem deu início a uma verdadeira "corrida pelo ouro" na região.
1849 - Dia do nascimento do Joaquim Nabuco. Ele foi um dos mais importantes defensores da abolição da escravatura no Brasil.
1871 - Nascimento de Orville Wright, pioneiro da aviação norte-americana.
1883 - Nasce Gabrielle "Coco" Chanel, estilista francesa.
1905 - O czar Nicolau II institui a "Duma", Assembléia Nacional russa.
1908 - O parlamento belga aprova a anexação do Congo.
1934 - Plebiscito na Alemanha entrega todo o poder a Adolfo Hitler, que passa a intitular-se furher. Hitler era chanceler da Alemanha e líder do Partido Nacional Socialista e com o título passa a exercer a presidência do país.
1936 - O poeta Federico García Lorca é assassinado durante a Guerra Civil Espanhola. Ele foi fuzilado sem julgamento, em local próximo de Granada, por um grupo de guardas e paramilitares.
1942 - Segunda Guerra Mundial: o general alemão Von Paulus ordena o ataque a Stalingrado.
1942 - As tropas canadenses atacam Dieppe, na França, durante a Segunda Guerra Mundial, e sofrem 3.500 baixas.
1946 - Nasce Bill Clinton, ex-presidente norte-americano.
1966 - Um terremoto deixa 1.100 mortos e milhares de feridos na Turquia.
1976 - Uma bomba explode na Associação Brasileira de Imprensa, no Rio de Janeiro. Outra bomba é encontrada na Ordem dos Advogados do Brasil, também no Rio. A Aliança Anticomunista Brasileira assume os atentados.
1977 - Morre Groucho Marx, ator cômico norte-americano.
1978 - Cerca de 430 pessoas morrem carbonizadas em um cinema de Abadán (Irã), em um incêndio provocado pela explosão de três bombas lançadas por terroristas xiitas.
1979 - Os cosmonautas russos V. Liakhov e V. Riumin batem recorde de permanência no espaço: 175 dias.
1991 - Golpe de Estado na URSS, com a destituição do presidente soviético Mijail Gorbachov. Boris Yeltsin, presidente da Federação Russa, encabeça um movimento contra o golpe e declara "ilegais" todas as disposições dos novos dirigentes.
1993 - Rebeldes capturam deputados, soldados e funcionários do governo no norte da Nicarágua e exigem a renúncia das autoridades governamentais.
1997 - Guerrilheiros libaneses disparam dezenas de foguetes contra povoados do norte de Israel, em represália pela morte de pelo menos seis civis em ataques de paramilitares pró-israelenses no sul do Líbano.
1999 - Aproximadamente 150 mil pessoas, convocadas pelo Partido Democrático, pedem em Belgrado a demissão do presidente sérvio, Slobodan Milosevic.
2001 - O piloto alemão Michael Schumacher consegue garantir matematicamente seu quarto título mundial de Fórmula I, após ganhar o Grande Prêmio da Hungria.

Redação Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário