Google+ Followers

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Plantas que Curam: CORONILHA - Scutia buxifolia


Descrição : Da família das Ramnáceas. É uma árvore pequena, ou mesmo um arbusto, de caule reto, medindo até 6m de altura e 50cm de diâmetro, muito frondoso. Sua casca é avermelhada, fina, decidua em camadas relativamente espessas, seus ramos eretos, quadrangulares enquanto nova, frequentemente opostos, com grandes espinhos de até 4cm de comprimento. Suas folhas subopostas ou alternas, elípticas ou oval-lanceoladas, agudas ou obtusas, peninervadas, inteiras ou, às vezes, serradas e com um dente no ápice, coriá-ceas, verde-escuro; suas flores são esverdeadas, curto-pedun-culadas, pequenas e dispostas em fascículos de 2 e 3; tem ovário subgloboso e o seu fruto é uma drupa globosa, esverdeada, de 2 a 3mm de diâmetro, contendo sementes compridas, discóides. Fornece finíssima espécie de madeira, violácea ou avermelhada, muito elástica, considerada impenetrável pelos insetos, principalmente o cerne; é homogénea, porém racha durante a secagem. É usada para obras de esteio, torno, marcenaria, lenha, carvão e trabalhos expostos. É medicinal, pois sua casca contém matéria tintorial e dela se faz também certa tintura recomendada como tónico do coração. As folhas são alimento predileto da lagarta da grande mariposa Morpho catenarius, Perry. Os frutos também contêm matéria tintorial. Existem outras variedades como a acutifólia, arenícola e obtusifólia. Vegeta em qualquer tipo de terreno, tanto fértil como árido e até entre as rochas. Muito conhecida no Brasil, principalmente nos Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Principalmente no Rio Grande do Sul, onde sua vegetação é intensíssima. Conhecida também como espinho-de-touro.

Origem : Espécie nativa das matas do sul da América do Sul

Propriedades : Tônico cardíaco

Indicação : Diurética, hipotensora. Tintura das cascas é usada como tônico cardíaco. As cascas e as folhas são usadas como diuréticas e hipotensoras.

Modo de Usar : Propagação: por sementes, mudas feitas nos viveiros para depois ir a campo. Plantio: preferir no outono-inverno para realizar o plantio. Mudas devem ser tutoradas. Florescimento: de outubro a janeiro dependendo da região do estado.

2 comentários:

  1. Bom Dia, Amigo! Adoro ler sobre plantas! Elas me fascinam, pois cada uma tem uma identidade diferente da outra, assim como um porquê de estar aqui nesse mundo com a gente...
    Que tenha um bom dia, ou noite, pois é muita a nossa diferença horária.
    Um beijo e carícias para as crianças
    Lita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Lita, a variedade de plantas é fascinante.
      Uma mais bela que a outra.
      Beijocas rs

      Excluir