Google+ Followers

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Japoneses querem transformar a Lua em painel solar gigante


A Lua vai ganhar um bambolê. Mas se você acha que ela será atingida por asteróides e ganhará um anel semelhante a Saturno, a idéia não é essa. A Shimizu Corporation, uma empresa japonesa de construção (sim, eles!), propôs um plano para aproveitar a energia solar em larga escala com a construção de um cinturão de células solares em torno do satélite.

Segundo a empresa um anel de cerca de 11.000 milhas em todo o “equador” da Lua poderia coletar energia que seria transmitida para a Terra por microondas potentes e raios laser, atendendo as necessidades energéticas mundiais.

Para a sua construção, robôs tele-operados por um grupo aqui na Terra fariam a obra e seriam inspecionados por um grupo de astronautas. A luz solar seria captada pelas células solares do anel e convertida em eletricidade que seria transmitida por fios elétricos para instalações de transmissão local. Ali, a eletricidade seria convertida em microondas e raios laser e transmitida com precisão para os receptores 20 km de diâmetro na Terra, onde novamente seria convertida em eletricidade e fornecida à rede.

A empresa diz que uma das maiores vantagens do anel lunar é que a Lua praticamente não tem atmosfera, de modo que não há tempo ruim ou nuvens que pudessem comprometer a eficiência dos painéis solares. A idéia é gerar uma energia limpa que possa diminuir nossas dependências das energias atuais.

Fonte: http://www.fayerwayer.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário