Google+ Followers

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Plantas que curam: AGUAPÉ Eichhornia crassipes


Descrição : Planta da família das Pontederiaceae, também conhecida como aguapé-de-flor-roxa, baroneza, camalote, dama-do-lago, jacinto-d'água, murerê, mureru, muriru, murumuru, mururé-de-canudo, orelha-de-veado, orquídea-d'água, parecí, pavoã, rainha-dos-lagos.
Parte utilizada: toda a planta

Princípios Ativos: minerais da planta (1% do peso verde da planta): 28,7% de potassa, 21% de cloro, 12% de cal, 7% de anidrido fosfórico, 1,8% de soda, 1,28% de nitrogênio e 0,59% de magnésia.

Propriedades medicinais: sedante, anafrodisíaca, refrescante, febrífuga, diurética.

Indicações: febre, hepatite, excitação nervosa, furúnculos, abscessos, rins.

Modo de usar:
decocção ou maceração das folhas em água para hepatite.
A mucilagem de aplica sobre furúnculos e abscessos.
A infusão das flores é utilizada como febrífuga e diurética.
Outros usos:
purificação de água contaminada, inclusive retirando metais pesados.
Proteção de ovos de peixes (raízes) e alimento aos alevinos.
Forrageira para bovinos e suínos.
Confecção de artesanatos.
Adubação verde.

Contra-indicações/cuidados: não utilizar esta planta como medicamento se ela não tiver sido cultivada para este fim, em água de boa qualidade, pois ela absorve metais pesados de água poluída.

Nenhum comentário:

Postar um comentário