Google+ Followers

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Fatos históricos do dia 25 de novembro

A queda de Pinochet


Em 25 de novembro de 1998, o general Augusto Pinochet perdeu suas prerrogativas parlamentares, decisão que permitiu o julgamento do ex-ditador pelo seqüestro de opositores, conhecido como "Caravana da Morte". Ele seria obrigado a realizar exames médicos, por ter mais de 70 anos.

1641 - Inicia-se a invasão holandesa no Maranhão ordenada por Maurício de Nassau.
1820 - O capitão Juan Pascual Pringles enfrenta as esquadras peruanas na batalha de Chancay.
1844 - Nasce Karl Benz, industrial alemão.
1867 - Alfred Nobel, químico sueco e originário do prêmio Nobel, inventa a dinamite.
1881 - Nasce Angelo Giuseppe Roncalli, o papa Joao XXIII.
1885 - Morre Alfonso XII, rei da Espanha.
1897 - O governo espanhol decreta autonomia à Cuba.
1915 - Nasce o general chileno Augusto Pinochet, ditador chileno.
1922 - Benito Mussolini, primeiro ministro do novo governo de coalizão da Itália, recebe plenos poderes do parlamento.
1926 - Benito Mussolini, fundador do fascismo italiano e chefe do governo, fecha jornais antifascistas e estabelece a pena de morte na Itália.
1949 - Israel e Jordânia não aceitam a internacionalização de Jerusalém.
1954 - Depois da reunião do Diretório Nacional, o Partido Social-Democrata do Brasil lança a candidatura de Juscelino Kubitschek para a Presidência da República.
1955 - Nereu Ramos, presidente em exercício, decreta Estado de sítio, que vigora até a posse de Juscelino Kubitschek.
1963 - Os restos mortais do presidente americano John F. Kennedy são enterrados no cemitério de Arlington, em Washington.
1964 - O 4° Salão do Automóvel comemora a marca de um milhão de veículos produzidos no Brasil.
1970 - A Câmara dos Deputados autoriza a cremação dos cadáveres dos que manifestassem expressamente essa vontade.
1970 - O escritor japonês Yukio Mishima comete o harakiri, o suicídio dos samurais. Ele sentia-se humilhado pela derrota do Japão na Segunda Guerra Mundial e pretendia resgatar os costumes tradicionais japoneses.
1971 - A Dinamarca e a Noruega tornam-se os primeiros membros da OTAN a estabelecer relações diplomáticas com o Vietnã do Norte.
1972 - O Golpe militar derruba o presidente grego George Papadopoulos.
1974 - A Petrobrás descobre jazida de petróleo na bacia de Campos, no Rio de Janeiro.
1974 - O Exército Republicano Irlandês, o IRA, é considerado ilegal depois que um atentado à bomba mata 21 pessoas.
1979 - O Egito recupera os poços petrolíferos de Sinai após acordos de Camp David com Israel.
1984 - Realizadas as primeiras eleições democráticas no Uruguai após onze anos de ditadura.
1990 - O Japão adianta-se ao resto do mundo e começa a emitir a programação regular de TV em alta definição.
1992 - O parlamento tcheco vota a favor da divisão do país em duas repúblicas independentes: a República Checa e a Eslováquia.
1996 - Darcy Alves Pereira, assassino do sindicalista Chico Mendes, é preso depois de ficar mais de três anos foragido.
1996 - Um promotor público denuncia onze policiais civis de São Paulo por tortura e constrangimentos contra onze rapazes e um segurança. Os policiais atuavam na resolução do caso do bar Bodega, em que uma estudante e um dentista foram assassinados.
1998 - A Corte dos Lordes de Londres anula a decisão que reconhecia a imunidade do ex-ditador chileno Augusto Pinochet, acusado de crimes durante a ditadura militar no país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário