Google+ Followers

sábado, 8 de outubro de 2011

Plantas que curam: ACANTO - Acanthus mollis


Descrição : Planta da família Acanthaceae, também conhecida como acanthus e pé-de-urso. Cresce à 2 metros de altura, com clusters basal profundamente lobadas, de cor verde escuro, folhas de até 1 metro e 20 centímetros de comprimento. As flores são tubulares, de cor branca, lilás ou rosa com espinhos verdes ou arroxeadas brácteas e produzido em pontos forte que crescem até 2,5 m acima das folhas. Floresce no final da primavera ou início do verão. Ela cresce em áreas secas, e é tolerante à seca e à sombra. As plantas são propagadas a partir de tubérculos e tendem a formar grandes grupos localizados que podem sobreviver durante várias décadas. As folhas dessa planta é geralmente considerado pelos historiadores como tendo sido a inspiração para a arte Corintiana nas colunas da arquitetura greco-romana

Origens : Nativa da região mediterrânea de Portugal e noroeste da África do leste da Croácia , e é uma das primeiras espécies cultivadas de plantas de jardim.

Propriedades : adstringente, analgésico, antidiarréico, antiinflamatório, aperiente, emoliente, colerético, demulcente, detersiva, expectorante, laxante, vulnerário (cicatrizante).

Indicações : bronquite, colocistite, cololitíase, contusões, disfunção hepatobiliar, distrofias da mucosa vulvovaginal, eczema, estomatite, faringite, ferida, gripe, herpes, queimaduras, resfriado, rectocolite, vulvovaginite, regularizar o fluxo menstrual.

Principios Ativo : ácidos orgânicos, glucídeos, mucílagens, princípio amargo, resinas, sais minerais, taninos.

Modo de Usar : interno (infusão ou decocção), externo (cataplasma , gargarejo, colutório, compressas, lavagem, irrigações vaginais.
- infusão de uma grama de folhas secas e raizes em uma xícara de água fervente.
- filtrar e beber em duas vezes, durante o dia: diarréia;
- usar em feridas, após lavá-las com água e sabão: cicatrizante, adstringente;
- infusão de folhas e flores abre o apetite, descarrega o fígado e regula a digestão.
- decocção de 10g de folhas e raizes de acanto em 100 ml de água por 15 minutos. Gargarejo: inflamações na boca e garganta, estomatite; demulcente de tumores e cascas de feridas.
- maceração de folhas bem picadas, para lavagem de feridas e colocar as folhas sobre as feridas inflamadas: demulcente, vulnerario (cicatrizante).
Folhas: aperiente e laxante por vía interna, externamente em cataplasma s é antiinflamatorio.
O suco da planta tratamento sintomático de herpes, queimaduras e contusões (analgésico).
As sementes regularizam o ciclo menstrual.

Contra-indicações/cuidados: Não encontrados na literatura consultada. Porém nenhuma planta deve ser consumida em excesso e nenhum tratamento deve ser feito sem orientação médica.

Efeitos colaterais: Não encontrados na literatura consultada. Porém nenhuma planta deve ser consumida em excesso e nenhum tratamento deve ser feito sem orientação médica.



Fonte: http://www.plantasquecuram.com.br/ervas/indice.html

5 comentários:

  1. Olá Nós os Cachorros, muito obrigada por partilhar toda esta informação sobre Acanthus mollis
    tão preciosa e útil. Este é um tema que temos em comum, eu adoro estudar, pesquisar apanhar e secar ervas e plantas, é um vício de família ensinado pela minha Avó, e que eu acho fascinante.
    Beijinhos.
    Ana Maria

    ResponderExcluir
  2. Ana minha amiga,

    eu vou ser sincero, gosto mesmo é daqueles remédios que se vendem na farmácia... rs
    Mas, de uns anos para cá, venho recorrendo as ervas, pois é de onde vem os medicamentos e são melhores...
    Quando eu tenho remédio dado pelo médico, é um para a dor, outro para o estômago, outro para o fígado e assim vai...
    Quando lidamos com as ervas, um chazinho e pronto!!! rs
    Beijosssssss

    ResponderExcluir
  3. Olá! Você sabe onde posso encontrar muda do Acanthus mollis? Obrigada, Thea

    ResponderExcluir
  4. Olá, você sabe onde posso encontrar mudas do Acanthus mollis? Grata, Thea

    ResponderExcluir
  5. Olá! Você sabe onde posso encontrar muda do Acanthus mollis? Obrigada, Thea

    ResponderExcluir