Google+ Followers

domingo, 16 de outubro de 2011

16 de outubro: Festival de Luzes de Lakshimi, senhora do amor e da beleza


Lakshmi ou Laxmi é uma divindade do hinduísmo, esposa do deus Vishnu, o sustentador do universo na religião hindu. É personificação da beleza, da fartura, da generosidade e principalmente da riqueza e da fortuna. A deusa é sempre invocada para amor, fartura, riqueza e poder. É o principal símbolo da potência feminina, sendo reconhecida por sua eterna juventude e formosura.

Pode ser vista sentada sobre uma flor de lótus, ou segurando flores de lótus nas mãos, e um cântaro que jorra moedas de ouro.

Geralmente atribui-se a Lakshmi o símbolo da suástica, que representa vitória e sucesso. Apadma é o nome dado a Lakshmi, quando representada sem o lótus, ao sair do Oceano.

Foi ela que deu a Indra, o Rei dos Deuses, o soma (ou sangue do conhecimento) do seu próprio corpo para que ele produzisse a ilusão do parto e se tornasse o Rei dos Devas.

Suástica "virada à direita", forma decorativa hindu associada a Lakshmi.

REENCARNAÇÕES DA DEUSA

A Deusa-Mãe Lakshmi é consultada pela população hindu, buscando algum tipo de riqueza. Há oito modalidades de se adorar Lakshmi, levando em conta o resultado desejado. A imagem abaixo também ilustra as oito reencarnações da Deusa Lakshmi:

Santhana lakshmi

Ela protege toda a Riqueza da Família, principalmente as crianças.

Gaja laksmi

Ela surge como Rainha Universal com seus dois elefantes que atendem todas as preces e orações..

Aishwarya lakshmi

Só Ela encerra a totalidade do conhecimento, tanto material quanto espiritual.

Dhanya lakshmi

É Ela que alimenta o mundo nos concedendo a Riqueza da boa colheita dos grãos.

Adhi lakshmi

Ela é a Mãe Divina e fonte de todo o poder de Vishnu.

Vijaya lakshmi


É Ela que nos concede a vitória sobre obstáculos e problemas (vitória também no trabalho e aspectos legais)

Dhana lakshmi

Ela é a doadora do todo tipo de riqueza

Veera lakhsmi ou Dhairyalakshmi

É Ela que nos dá força e coragem para enfrentarmos qualquer sacrifício.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário