Google+ Followers

sábado, 30 de julho de 2011

Brasileiros são usados como 'operários fantasmas' em Aichi


Uma empreiteira de Toyohashi (Aichi) e uma empresa associada foram apontadas pela Receita Federal de esconder rendimentos no valor de 230 milhões de ienes, segundo informaram os jornais Sankei e Chunichi nesta terça-feira.

As duas companhias, relatam os jornais, utilizavam os nomes de ex-trabalhadores brasileiros que retornaram ao Brasil para emitir holerites falsos e enxugar o faturamento, como se o pagamento do salário estivesse sendo feito a esses "operários fantasmas".

A Receita Federal ordenou o recolhimento de 80 milhões de ienes das duas empresas, valor referente a multas e aos impostos que não foram pagos do montante escondido. Elas já estão providenciando a declaração com a contabilidade ajustada, segundo os jornais.

A empreiteira teria escondido rendimentos de 180 milhões de ienes em um período de sete anos, até maio do ano passado. A empresa associada teria forjado a entrada de 50 milhões de ienes em cinco anos.

Fonte: Alternativa Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário