Google+ Followers

sábado, 21 de julho de 2012

Fatos históricos do dia 21 de julho


Nasce Robin Williams


Em 21 de julho de 1952, nascia um dos maiores atores do cinema hollywoodiano. O astro chegou a cursar Ciências Políticas, mas desistiu por amor a arte. Com "Bom dia , Vietnã", recebeu a primeira indicação ao Academy Awards. A segunda veio com "Sociedade dos poetas mortos".

1798 - As tropas francesas de Napoleão Bonaparte tomam o Cairo.
1816 - No "Congreso de Tucumán", na Argentina, fica solenemente declarada a independência das Províncias Unidas do Rio da Prata.
1822 - Agustín Iturbide é coroado imperador do México, passando a ter a alcunha de Agustín I.
1840 - Dom Pedro Segundo alcança a maioridade e assume suas funções no governo do Brasil imperial.
1899 - Nasce o novelista norte-americano Ernest Hemingway.
1912 - A Albânia se levanta contra a dominação turca.
1917 - Os alemães lançam as primeiras bombas de gaz asfixiante durante Primeira Guerra Mundial.
1938 - É firmado na Argentina um tratado de paz entre a Bolívia e o Paraguai, que pôs fim a Guerra do Chaco.
1940 - A Alemanha inicia seus planos de ataque contra a Rússia, durante a Segunda Guerra Mundial.
1946 - Morre enforcado, na Praça Maior da Paz, o ex-presidente boliviano Gualberto Villarroel.
1948 - Nascia o músico britânico Cat Stevens.
1952 - Nasce Robin Williams, astro do cinema norte-americano. Entre seus filmes de maior sucesso estão "Bom dia, Vietnã", "Sociedade dos poetas mortos", "Amor além da vida" e "Patch Adams".
1954 - Ficam firmados os acordos de Genebra sobre a divisão da Indochina. Com isso, foram criados os territórios oficiais de Laos, Camboja e Vietnã.
1963 - O atleta soviético Valeri Brumel alcança a marca-récorde de 2,28 metros no salto em altura.
1978 - Através de um golpe militar, o general Pereda assume a presidência da Bolívia.
1980 - É assassinado, em Paris, o ex-primeiro-ministro da Síria, Salah Eddin Bitar.
1981 - O turco Ali Agca, que tentou matar o Papa João Paulo II, é condenado à prisão perpétua por um júri de Roma.
1990 - Morre o cineasta soviético Serguei Paradjanov.
1991 - O presidente da Mauritânia, Muauiya Uld Sidi, firma o decreto da primera Constituição do país, legalizando os partidos políticos.
1996 - Morre o músico e compositor porto-riquenhho, Rafael Cepeda Atiles.
2000 - Os Estados Unidos votam a favor de uma amenização no embargo econômico aplicado à Cuba. Foram aprovadas emendas que permitiam ao país a venda de alimentos e medicamentos, além de liberar viagens turísticas de norte-americanos à Cuba.
2001 - O Congreso da Argentina aprova o ajuste econômico apresentado pelo então presidente Fernando De la Rúa. O plano visava diminuir o déficit nas contas do país, que enfrentava, como ainda enfrenta, uma das piores crises financeiras de sua história.

Redação Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário