Google+ Followers

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Clínica Veterinária no Japão, Nagoya Shi - CHUGOH ANIMAL HOSPITAL - 中郷どうぶつ病院


Quem tem um bichinho de estimação no Japão, sabe que quando chega a hora de ir à uma Clínica Veterinária, é problema...
Quem fala e entende japonês 80% ou 100%, é moleza, mas quem não... rs
Fora isso, existe um outro grande problema, Médico Veterinário é como Médico para gente, muito difícil de se encontrar um bom.
Moro aqui a quase 20 anos e posso dizer que achar um médico bom, que nos entenda, que esteja realmente interessando no nosso bem estar, é algo raro.
E quando agente acha, não pode largar!!!! rs
Eu tive muita sorte, um dia, andando por ai, passeando pelo bairro, dei de cara com esta Clínica Veterinária.
Não esqueço isso. Já se passava das 20:00 horas, estava fechada, mas fui dar uma espiada, pois já pensava em ter um cachorro e como gosto de ser prevenido em tudo... rs
Estava lá, a Veterinária Emiko, lá dentro, mexendo em alguns papéis, quando me viu na porta e foi ver o que eu queria... rs
Me recebeu muito bem, com muita educação, me perguntando o que eu queria e tal.
Não vou dizer que não me cativou, porque me cativou sim rs

Depois de algum tempo eu comprei o Cão e conversando com os japoneses que trabalhavam comigo na época, descobri que a Chugoh Animal Hospital, é uma das clínicas veterinárias mais famosas da região (existem várias outras) e que tem fama de ser a melhor.
Bom, eu poderia escrever um livro sobre esta clínica.
O Cão tem 8 anos e 7 meses, a Belinha 8 anos e 3 meses e o Pingo 4 anos e seis meses...
Então acho que já da para imaginar quantas vezes já fomos lá, né?!
Eu confesso que é uma clínica exepicional.
O atendimento todo é excelente.
Só de Médicos Veterinários, são 8 profissionais.
Minha maior prova disso, foi quando o Cão teve suas patas traseiras paralisadas por causa da hérnia de disco.
Eu não sabia nada sobre essa doença, nem que ela poderia acontecer.
Eu não sei se conseguirei me expressar corretamente, por isso peço que me desculpem caso eu seja um pouco "confuso".
Querendo ou não, lembrar daqueles meses acaba mexendo um pouco com minha cabeça.

Eu estava numa crise financeira terrível, tinha acabado de conseguir um emprego, depois de ter ficado 4 meses desempregado e ter perdido todas minhas economias.
Quando o Shibata Sensei deu o diagnóstico e falou o preço que o tratamento poderia custar, eu quase infartei.
Lembrar daquele dia, daquele momento, mexe comigo sim, mas lembrando do comportamento dele, posso lembrar o quanto ele foi sério, ao mesmo tempo atencioso, calmo, centrado.
Falou o que estava acontecendo e pode me passar calma e segurança ao mesmo tempo.
O tratamento foi um loucura, ele ficou internado, depois eu tinha que ir lá com o Cão para ele fazer fisioterapia e seção à laser frio e quente.
Primeiro foram todos os dias, depois dia sim, dia não, depois apenas 3 vezes por semana...
Era inverno. Eu tinha que sair mais cedo do trabalho, morrendo de medo de ser mandado embora, corria para tomar o ônibus, corria para chegar em casa, colocava as crianças dentro do carrinho e corria pra clínica.
Leva a Belinha junto porque coitada, não tinha coragem de deixar ela sozinha aqui rs
Na época, quem tratou o Cão foi o Tanaka Sensei.

Eu ficava lá, do lado do Cão, com a Bel no colo, vendo eles fazerem a fisioterapia, o tratamento com laser e a conversa corria.
Todos naquela clínica vinham e me davam um "oi, tudo bem?!", "boa sorte", "não desista"....
Todos sempre com um sorriso no rosto e com um olhar de apoio.
Geralmente eu era o último paciente, ou melhor, pai de um paciente rs,  a sair da clínica e tinha até vergonha, pois na correria, eu nem tirava o uniforme do trabalho.
Mas, eles nunca se importaram com isso, nunca deixaram de me tratar bem.
Mesmo quando eu pedia para segurarem a conta para eu pagar de uma vez no cartão de crédito!!! rs
Tenho que dizer que cada seção custava quase ¥ 9.000 (nove mil yenes) e eu ganhava por dia ¥ 12.000 (doze mil yenes), então acho que dá para entender né?! rs
E olhem só, era fim de ano e um dia eu chego em casa e vejo na caixa do correio um "hagaki"(postal) de natal do pessoal da clínica.
Era um postal me desejando sorte com a dieta que o Cão tinha que fazer, para que eu não desistisse do tratamento, da fisioterapia e tal, com a assinatura de todos.
Dá para deixar de se emocionar?! Dá pra deixar de não sentir o carinho de todos?!
Eu tenho esse "hagaki"guardado a 7 chaves!!!

Alguns podem pensar que é por causa do dinheiro que falaram para eu não desistir, mas se enganam.
Eles se referiram a fisioterapia que eu tinha que fazer em casa no Cão, de duas a três vezes por dia e a dieta, pois ele precisava emagrecer urgente, pois foi a obesidade a grande culpada da hérnia.
Mas, felizmente, esse período já passou, tudo está bem agora, mas claro que continuei indo.
Querendo ou não, sempre acontece algo.
Vacina, Belinha e suas alergias e tal.
Agora mesmo a Belinha está com um problema no olho, falta de lágrimas... Pode?!
E como sempre o atendimento e a competência do pessoal de lá, só melhorou.
Ainda mais agora que a equipe recebeu uma nova integrante, a Kelly Akemi.
Ela fala português, japonês, francês e inglês.
Além de tosa e banho, auxilia nas consultas e faz tradução.
Bom, não tinha como falar sobre a clínica sem citar uma parte de minha vida...
Por isso eu indico esta clínica para qualquer pessoa!!!
Através desse blog e é claro, de pessoas conhecidas e amigas, posso dizer que eles são execelentes.
Se vocês soubessem o que eu já ouvi de certas clínicas por aqui... Cada um pior que o outro...
Então, se você fala nihongo ou não e está procurando uma Clínica Veterinária ÓTIMA em Nagoya, te convido a conhecer a Chugoh Animal Hospital ou em nihongo 中郷どうぶつ病院.

Horário de atendimento:


Endereço:

名古屋市中川区中郷3-381-1
Nagoya Shi, Nakagawa Ku, Chugoh 3-381-1
TEL :  052-355-2720


O site da clínica:  http://www.chugoh-ah.jp/index.html

Espero que ajude quem estiver procurando uma clínica veterinária em Nagoya.

E também quero agradecer a todos desta clínica por tudo que fizeram e fazem por Nós, Os Cachorros!!!

Abraxos. 


2 comentários:

  1. Ei amado que linda postagem.
    Sei bem o que é estar passando por um crise financeira e ver seu amado cão doente e,não ter como ajudar e nem ninguém disposto a ajudar.
    Quando acontece esse tipo de coisa por aqui, as pessoas falam "há sacrifica, vai ser melhor!!!"
    Melhor par quem "cara pálida", não para mim e muito menos para o meu amado filhote. Mais fazer o que?! Você é um abençoado por ter encontrado um local tão humano como essa clinica.
    Beijinhos e lambeijocas nos meus bebes.
    Lua.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Ná,

      fui abençoado mesmo.
      E ainda sou!!! rs
      Felizmente todos sempre foram muito mais humanos do que nos hospitais que frequentei...
      Por sinal vou escrever um post sobre isso hoje...
      Beijos

      Excluir