Google+ Followers

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Fatos históricos do dia 4 de setembro


Seqüestro do Embaixador


Em 4 de setembro de 1969, o embaixador americano Charles Elbrick é seqüestrado no Rio, em plena ditadura militar. Organizado por grupos que pediam como resgate a libertação de 15 presos políticos, o seqüestro marcou a luta armada contra o regime. O filme O que é isso, companheiro? (foto) retrata a história.

1768 - Nascimento de Francois-René Chateaubriand, escritor e político francês.
1821 - Fuzilamento do patriota sul-americano José Miguel Carrera, primeiro caudilho da independência do Chile.
1824 - Nascimento de Anton Bruckner, compositor austríaco.
1888 - Um violento ciclone arrasa uma parte da ilha de Cuba.
1904 - Um decreto imperial define na Rússia os direitos de residência dos judeus.
1907 - Morre Edvard Grieg, compositor norueguês.
1908 - Nascimento de Richard Wright, escritor norte-americano.
1910 - Morre Henri Rousseau, pintor francês.
1912 - A Sérvia apóia as organizações clandestinas para a libertação da Macedônia da dominação turca.
1916 - Primeira Guerra Mundial: Dar-es-Salaam, na África Oriental alemã, é ocupada pelos ingleses.
1932 - Começa em Viena a Conferência Mundial da Paz, da qual participam 80 delegados de quatorze países.
1933 - Ramón Grau San Martín toma o poder em Cuba após um golpe de Estado e impõe um governo dirigido por Fulgencio Batista.
1941 - Segunda Guerra Mundial: começa o bombardeio a Leningrado, que resistiu durante 900 dias.
1942 - Segunda Guerra Mundial: ataque aéreo soviético contra Budapeste e Konigsberg.
1946 - O radical Gabriel González Videla é eleito presidente do Chile, após a morte de Juan Antonio Ríos.
1948 - A rainha Guilhermina da Holanda abdica em favor de sua filha Juliana.
1950 - Um tufão causa a morte de 250 pessoas no Japão, deixando também mais de 5 mil feridos.
1963 - Morre Robert Schuman, político francês, um dos fundadores do Mercado Comum.
1965 - Morre Albert Schweitzer, teólogo e missioneiro francês, prêmio Nobel da Paz de 1952.
1965 - Os Beatles lançam o compacto Help, que atingiria o primeiro lugar nas paradas inglesas.
1969 - Charles Elbrick, embaixador dos Estados Unidos no Brasil, é seqüestrado no Rio de Janeiro. O grupo de ativistas exigia a libertação de 15 presos políticos.
1972 - Nos Jogos Olímpicos de Munique, o americano Mark Spitz torna-se o primeiro atleta a ganhar sete medalhas de ouro.
1982 - A China decide abandonar oficialmente o maoísmo em cerimônia no Congresso Comunista Chinês, ocorrido em Pequim.
1986 - Yasser Arafat aceita a resolução 242 da ONU, que supõe o implícito reconhecimento do direito à existência do Estado de Israel.
1989 - Jecar Negheme, alto dirigente da esquerda Revolucionária do Chile, é assassinado por grupos ultradireitistas.
1989 - Um avião cubano explode em Havana, matando 170 pessoas.
1997 - Morre Aldo Rossi, arquiteto italiano.
1998 - O desabamento do telhado da Igreja Universal do Reino de Deus, em Osasco, mata 23 pessoas e fere 560. Cerca de 1.500 fiéis estavam em vigília de orações na momento do acidente.
1999 - O líder da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Yasser Arafat, e o primeiro ministro de Israel, Ehud Barak, assinam em Sharm el-Sheik (Egito) o acordo de "Wye Plantation", que prevê a retirada israelense da Cisjordânia em três fases.

Redação Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário