Google+ Followers

domingo, 25 de dezembro de 2011

Um Ser Superior


O caos e o acaso não saberiam produzir a ordem e a harmonia.

Acima dos problemas da vida e do destino levanta-se a questão de Deus.

Se estudamos as leis da natureza, se procuramos o princípio das verdades morais que a consciência nos revela, se pesquisamos a beleza ideal em que se inspiram todas as artes, em toda parte e sempre, acima e no fundo de tudo, encontramos a ideia de um Ser Superior.

Um Ser necessário e perfeito, fonte eterna do bem, do belo e do verdadeiro, em que se identificam a Lei, a Justiça e a Suprema Razão.

O mundo físico ou moral é governado por leis e essas leis, estabelecidas segundo um plano, denotam uma inteligência profunda das coisas por elas regidas. Não procedem de uma causa cega.

Tal entendimento se faz necessário, uma vez que os seres carecem de nova compreensão a respeito da realidade da vida.

Ceder ao perigoso materialismo se torna muito mais difícil, quando se tem consciência da grandiosidade do Universo e da perfeição de suas leis, regendo a vida em sua esfera palpável e moral de todos nós.

Por vezes apequenamos a existência, transformando-a numa busca incessante pelo prazer, pelos desejos imediatos, sempre ligados à matéria.

Desconsideramos que estamos em um contexto maior, imensamente belo, de diversas existências sucessivas que nos conduzem para a felicidade.

Felicidade da alma, construída ao longo das eras, através da conquista das virtudes, dessas potências maravilhosas do Espírito a caminho do bem.

A perfeição do Criador nos colocou em um processo de busca por nossa própria excelência interior.

Se nosso modo de vida nos afasta dessa busca, estamos literalmente perdendo tempo, estamos nos arriscando a cair e estacionar.

Se, ao contrário, traçamos planos de vida, nas esferas familiar, profissional, religiosa, artística e social, que incluem como prioridade o crescimento espiritual, eis que a perfeição vai sendo desenhada em nós.

Assim, observar o Criador, Inteligência Suprema, Causa Primeira de tudo, e aprender com Ele é fundamental para se ter uma pequena dimensão da grandiosidade que é a vida humana e seus propósitos maiores.

Percebendo a presença dessa Força Maior, sentimo-nos abraçados e amparados.

Na vida moral, saberemos que nada acontece por acaso e que toda ação gera consequências.

Saberemos também que há uma Justiça maior, por trás da justiça vacilante dos homens da Terra, colocando cada coisa em seu devido lugar.

Justiça maior e também Amor maior regendo tudo, uma vez que Deus é soberanamente justo e bom.

Um Pai amoroso... Mais dedicado e atencioso do que qualquer exemplo de paternidade e maternidade da Terra.

Um Ser Superior, que comanda o Universo de forma magistral, sem erros, sem insegurança, sem incerteza.

Você e eu fazemos parte de tudo isso. Somos como filhos dando os primeiros passos rumo aos braços amorosos e seguros de nosso amado Pai.


Redação do Momento Espírita, com base no cap.9, do livro
Depois da morte, de Léon Denis, ed. Feb.
Em 12.12.2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário