Google+ Followers

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Fatos históricos do dia 14 de dezembro


Pacto para a paz

Em 14 de dezembro de 1923, após onze meses de luta sangrenta no Rio Grande do Sul, é assinado o Pacto de Pedras Altas. Estabelecia que o governador empossado permaneceria no cargo até o final do mandato. Contemplava o acordo com uma anistia geral dos revoltosos, selando a pacificação do Estado.

1503 - Nasce o astrônomo francês Michel de Nostradamus.
1799 - Morre George Washington, primeiro presidente norte-americano.
1824 - A Inglaterra reconhece a independência das províncias unidas do Rio da Prata.
1877 - A Sérvia une-se à Rússia na guerra contra a Turquia.
1911 - O explorador norueguês Roald Amudsen torna-se o primeiro a chegar no Pólo Sul.
1918 - Na Grã-Bretanha, mulheres votam pela primeira vez numa eleição geral do país.
1918 - O presidente de Portugal Sidonio Paes é assassinado.
1923 - Borges de Medeiros e Assis Brasil assinam o acordo de Pedras Altas, que dá fim à guerra no Rio Grande do Sul.
1927 - A Grã-Bretanha reconhece a independência do Iraque.
1927 - China e URSS rompem relações diplomáticas.
1933 - Paraguai e Bolívia iniciam a Guerra do Chaco.
1939 - A União Soviética é expulsa da Liga das Nações por ter invadido a Finlândia para a instalação de bases militares.
1943 - Morre o psicólogo norte-americano John Harvey Kellogg, que impulsionou a venda de alimentos saudáveis, especialmente os compostos por cereais.
1954 - O divórcio é legalizado na Argentina.
1956 - O Brasil compra da Grã-Bretanha o porta-aviões Minas Gerais.
1962 - Um avião da Panair do Brasil cai a 45 quilômetros do aeroporto de Manaus, matando 50 ocupantes.
1962 - A sonda norte-americana Mariner II chega a 33 mil quilômetros de Vênus, após percorrer 300 milhões de quilômetros.
1972 - Astronautas da Apolo 17 iniciam o retorno à Terra, após três dias de experimentos na superfície da Lua.
1981 - Israel anexa as Colinas do Gola, território conquistado da Síria durante a Guerra dos Seis Dias, em junho de 1967.
1986 - Disputas étnicas deixam 50 mortos e 125 feridos no Paquistão.
1990 - Dez vietnamitas colocam fogo em seus corpos para protestar contra a política de imigração de Honk Kong.
1994 - O líder sérvio-bósnio Radovan Karadzic pede para o ex-presidente norte-americano Jimmy Carter, que ajude a idealizar um plano de paz para a Bósnia.
1995 - Em Paris, líderes da antiga Iugoslávia assinam um tratado de paz para a Bósnia.
1996 - Refugiados de Ruanda começam a retornar ao país, após dois anos e meio refugiados na Tanzânia.
1997 - O presidente iraniano Mohammed Khatami diz que o país está preparado para restabelecer laços com os Estados Unidos.
1997 - Sob pressão dos países ocidentais, Saddam Hussein promete colaborar com a ONU e abrir oito palácios do Iraque para a inspeção de armas químicas.


Redação Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário