Google+ Followers

quarta-feira, 29 de junho de 2011

29 de junho de 1967 - A atriz Jayne Mansfield, famosa na década de 1950, morreu em um acidente de carro aos 33 anos.


Biografia

Um dos principais símbolos sexuais entre o final da década de 1950 e o início dos anos 1960, Mansfield chamou primeiro a atenção do público ao se tornar a playmate da edição de fevereiro de 1955 da revista Playboy. Vencedora de um prêmio Globo de Ouro, atuou em várias produções de Hollywood que enfatizavam o seu lado sensual. Tornou-se, de fato, a primeira atriz a aparecer nua em uma produção hollywoodiana (em Promises! Promises! de 1963). A partir de 1960 fez uma série de filmes na Europa, com resultados desastrosos para sua filmografia pós-1962.

Sua carreira foi subitamente interrompida em 1967, aos trinta e quatro anos de idade, quando sofreu um acidente de carro durante uma viagem com o namorado Sam Brody e três de seus quatro filhos. Jayne, Brody e o motorista faleceram na hora, mas as crianças, que estavam todas no banco traseiro, ficaram apenas com ferimentos leves.

Jayne casou-se três vezes e divorciou-se duas. O primeiro casamento foi com Paul Mansfield, em 1950, aos dezesseis anos de idade. Durante o primeiro ano deste casamento, Mansfield deu à luz sua primeira filha, Jayne Marie Mansfield. Duas semanas antes da atriz falecer, Jayne Marie, então aos dezesseis anos de idade, acusou o namorado da mãe, Sam Brody, de espancá-la. Dois dias depois, sob a acusação de que a mãe incentivava os espancamentos, Jayne Marie foi colocada pela justiça sob a custódia de um tio-avô, W.W. Pigue.

O segundo e talvez mais famoso casamento de Mansfield foi com o fisiculturista e ator Mickey Hargitay. Os dois se casaram em 1958 e se divorciaram 1963 no México - o divórcio só foi reconhecido pela justiça estadunidense em 1964. Durante este casamento, Mansfield teve três filhos: Miklós Jeffrey Palmer Hargitay, em 1958; Zoltán Anthony Hargitay, em 1960 e Mariska Magdolina Hargitay, em 1964.

O último casamento de Jane Mansfield foi com Matt Cimber, um diretor italiano, em 1964. O casal se separou em 1965 e pediu divórcio em 1966. Durante este casamento, Mansfield deu à luz seu último filho, Tony Cimber, em 1965.

Nenhum comentário:

Postar um comentário