Google+ Followers

quinta-feira, 25 de julho de 2013

33 casos de irregularidades são descobertos em cartões de residência para estrangeiros


De acordo com dados do Departamento de Imigração do Ministério da Justiça, pelo menos 33 casos de falsificação em cartões de residência emitidos a estrangeiros que estão no Japão há 3 meses ou mais foram detectados.

Eles incluem incidentes em que residentes estrangeiros estavam portando cartões falsificados ou cartões com nomes de outras pessoas. Alguns desses estrangeiros haviam usado a documentação falsa para trabalhar horas a mais que o permitido em seus atuais status de residência.

O novo sistema de cartão de residentes para estrangeiros, o Zairyu Card, foi introduzido no dia 9 de julho do ano passado.
O novo sistema de cartão de residentes para estrangeiros foi introduzido no dia 9 de julho de 2012.

A polícia disse que está aumentando o alerta sob a situação.

O novo sistema de cartão de residência para estrangeiros, o Zairyu Card, foi introduzido no dia 9 de julho do ano passado.

Os cartões possuem uma foto do portador e informações sobre status de residência, quanto tempo pode permanecer no país e qual trabalho e quantas horas pode trabalhar.

Cerca de 1.105 milhões de cartões foram emitidos em um período de 10 meses após o novo sistema ter entrado em vigor.

Os 33 casos foram descobertos até maio. Muitos dos cartões falsificados foram detectados facilmente, disseram oficiais da imigração. No entanto, nenhuma falsificação sofisticada, como por exemplo circuito integrado de chip, foi encontrada.

Acredita-se que muitos dos portadores dos cartões falsificados estavam com seus vistos expirados. Mas, em alguns casos, estrangeiros com status de residência legal foram encontrados com cartões falsificados, muitos dos quais afirmavam que o portador era residente permanente no Japão, mencionou um executivo da polícia.

A lei de controle de imigração limita a quantidade máxima de horas e os tipos de trabalho que os residentes estrangeiros podem executar, dependendo de seus status de residência. Contudo, não há tais restrições para residentes permanentes.

Aparentemente, estrangeiros portadores de cartões que mostravam condições de residentes permanentes estavam usando o documento para trabalhar horas a mais que o permitido em seus atuais status de residência, disse um oficial da polícia.

Para alertar o empregadores, o website do Departamento de Imigração demonstra como detectar cartões de residência falsificados, noticiou a Japan Times.

Compartilhe com todos!

Fonte: Portal Mie

Nenhum comentário:

Postar um comentário