Google+ Followers

quarta-feira, 27 de março de 2013

Japoneses apoiam presença de nikkeis no país, diz o governo



Uma pesquisa realizada pelo Gabinete do governo central do Japão mostrou que cerca de 80 por cento dos japoneses entrevistados são favoráveis à presença de nikkeis no país como integrantes da sociedade, informou o jornal Sankei nesta sexta-feira.

O governo elaborou a pesquisa de opinião pública em janeiro deste ano com 3 mil entrevistados de nacionalidade japonesa, maiores de 20 anos, e obteve resposta de 62,8 por cento desse total.

Trinta por cento dos entrevistados disseram que apoiam a presença de nikkeis (descendentes de japoneses com visto de longa permanência) na sociedade, e 50,9 por cento aprovam "se tivesse que escolher uma das opções".

Já a faixa de japoneses que não apoiam ou não aprovam "se tivesse que escolher uma das opções" atingiu 12,9 por cento.

Sobre as medidas do governo central e das administrações regionais que beneficiam os nikkeis, como a contratação de intérpretes nos Helloworks e a criação de salas especiais para crianças que não estudam, 59,7 por cento dos entrevistados responderam que elas devem ser mantidas, 27,3 por cento acham que elas devem ser ampliadas para ter maior alcance e apenas 4,8 por cento disseram que essas medidas devem ser reduzidas.

Fonte: Alternativa OnLine

4 comentários:

  1. Querido amigo Wilson, Cão, Pingo e Belinha! Muito interessante este post, pois ele mostra como os nativos de um país (neste caso o Japão), se sentem em relação a imigrantes/descendentes vivendo em seu país. Ainda bem que a maioria aprova....Querido amigo! Obrigada pelos comentários sempre tão gentis,
    e pelo carinho!Uma abençoada e feliz Páscoa!
    Carinhoso abraço!
    Elaine Averbuch Neves, Praguinha, Monguinha e Alva (Nêga Véia, rsrsrsrs)
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beijinhos Elaine!!!
      Logo mais estarei no seu blog!!!
      Beijos

      Excluir
  2. Muito boa a pesquisa. Bom pra saber que não somos tão indesejados afinal.
    É uma pequena que na prática, no dia a dia a gente não se sinta assim tão bem-vindo né?!

    Que essa pesquisa tenha algum resultado positivo de alguma forma para nós!!

    bjuss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, eu sou suspeito em falar...
      Me sinto muito bem aqui...
      E bem tratado...
      Acho que algumas coisas que alguns pensam como preconceito é apenas o jeito deles...
      Vejo como se tratam e vejo que muitas vezes, tratam melhor a nós, estrangeiros, do que eles mesmo...
      Beijos

      Excluir