Google+ Followers

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Novo estudo eleva risco de grandes terremotos no Japão


O Conselho de Estudo sobre Terremotos, um órgão do governo japonês, divulgou nesta sexta-feira um novo levantamento que projeta a probabilidade de ocorrerem abalos sísmicos no arquipélago nos próximos 30 anos. As informações são do Nihon Keizai Shimbun.

De um modo geral, aumentou em porcentagem a possibilidade de terremotos acima de 6 graus na escala japonesa (que vai até 7), principalmente na região Kanto, segundo os especialistas que agora levaram em consideração o tremor de magnitude 9,0 registrado em março de 2011 no Nordeste do Japão.

Em comparação ao último estudo, de 2010, o maior aumento foi em Mito, capital da província de Ibaraki, que pulou de 31,3 por cento para 62,3 por cento a possibilidade de ocorrer um terremoto dentro de 30 anos.

Chiba (capital da província de mesmo nome) tem probabilidade de 75,7 por cento, aumento de 11,9 por cento em relação ao levantamento de 2010.

O maior índice de risco continua sendo Shizuoka (capital da província), com 89,7 por cento, seguida de Tsu (Mie), com 87,4 por cento.

Desde 2005, o levantamento é feito anualmente pelo Conselho de Estudo sobre Terremotos. No ano passado, porém, o estudo não foi feito por causa do abalo de 9,0, que mereceu uma longa análise por causa da sua grande intensidade.


**********************************

Quem mora aqui sabe que um terremoto pode acontecer a qualquer momento.
Quem mora em Mie-Ken, Aichi-Ken e Shizuoka-Ken, ouve a anos se falar do Tokai Jishin.
Então, com esta notícia, o melhor é sempre estar prevenido.
Uma mochila com itens de primeiros socorros, comida, produtos de higiene e documentos, não custa nada e não irá ocupar tanto espaço.
Abraxos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário