Google+ Followers

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Vídeos da Galerinha aqui de casa!!!

Para terminar o ano de 2014, que está quase no fim aqui na Terra do Sol Nascente, vídeos da galerinha aqui de casa!!!
Quem faz parte do nosso grupo de amigos no Facebook, 
já deve ter visto, mas que não faz, pode ver agora!

Boas Festas!

Boa passagem de ano!!!

E até ano que vem!!!

Feliz Ano Novo!!!

Beijos, abraxos e lambeijocas!!!








terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Obrigado 2014!!!


Final de ano chegando...
Faltam poucas horas... 
A maioria das pessoas preparando os comes e bebes rs, fazendo a lista de pedidos para o ano que vai começar, simpatias e etc...
Bom, eu realmente não creio muito em certas coisas, é claro, sou sempre o do contra rs e em vez pensar no amanhã, venho hoje agradecer este ano MARAVILHOSO que tive!
Eu sei, comecei o ano já com a corda no pescoço financeiramente falando e vou terminá-lo igualmente, mas...
Eu tenho que agradecer à Deus todas as bênçãos que tive neste ano!!!
Meu filho Cão, o primogênito, operou uma, duas, três vezes e saiu vivo de todas elas e bem!!!
Quando fez quimioterapia, não teve nenhuma reação como era de se esperar!!!
A própria médica veterinária se espantou!!!
Hiro foi castrado e também não teve nenhuma complicação!
Deus me deu a honra de ter mais um filho!!! 
O Dengo!!!
O coitadinho veio doente e espalhou a doença para os irmãos...
Foi e está sendo complicado, mas sinto que Deus me colocou a prova.
Será que eu seria capaz de amar um filho que não gosta de humanos?!
Amar uma criatura que te ama é fácil, mas um que nem te quer por perto... rs
A não ser na hora de comer né?! Porque ai.... kakakakakaka
E será que eu seria capaz de me virar em 3 para cuidar dessa doença?!
Tenho que agradecer à Deus por me dar mais uma prova e apesar de eu ainda estar passando por ela, pelo menos um, o Dengo, já está curado!!! rs
Nesse ano conheci gente nova!
Firmei amizades com outras pessoas.
Descobri novos amigos e amigas no meio de tantas turbulências!!!
Descobri que existem muitas pessoas de bem nesse mundo e está aumentando!!!
Minha mãe conseguiu fazer uma cirurgia que custa um absurdo, pois o convênio não cobre, pois o material vem dos EUA, de graça!!!
Ela que só estava com 30% da visão, hoje está com 50%!!!
Foram tantas coisas maravilhosas que aprendi, que passei neste ano...
Se eu for ficar aqui escrevendo, vou virar o ano no Blog rs
E a postagem de hoje é uma forma de agradecer à Deus por tudo que passei, pois muita coisa aprendi.
Quero dedicar também esta postagem à todas meus amigos e amigas que nos acompanharam neste ano todo e que nos ajudaram, cada um de uma forma, mas todos com certeza, com muito carinho por nós!!!
Feliz Ano Novo!!!
Que em 2015 possamos estar juntos novamente!
Que 2015 traga à todos nós mais lições, mais saúde, mais alegrias, mais sorrisos, mais fartura (não da para viver sem né?), mas que traga muuuito, muuuito amor!

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Um absurdo esses preços!!!



Olá!
Nossa, hoje andei hein?!
Me perdi rs, pois não conheço bem ainda este bairro e andei pra caramba rs
Sem querer, acabei parando na frente da loja de produtos brasileiros que tem aqui perto de casa.
Já que estava lá, resolvi entrar para dar uma olhada e ver se tinha algo para comprar...
MISERICÓRDIA!!!!
Impossível, sinceramente...
Loja de produtos brasileiros nunca foi barata, mas até ai, tudo bem, porque a maioria dos produtos são importados, mas olha, está um absurdo agora.


Uma lata de creme de leite de custa no Pão de Açúcar (que um dos mais caros de São Paulo), está custando R$ 3,79 (¥ 166). Aqui está ¥ 650 (R$ 15,00)!!!!


O feijão carioca vi no Pão de Açúcar por R$ 4,69 (¥ 206) e aqui por ¥ 790 (R$ 18,00).
Olha, eu sei que parece coisa de gente chata, mas sinceramente...
Não dá para comprar nada não!
Eu pelo menos sai de lá apenas com uma latinha de refrigerante que o preço é tabelado rs
Diz o gerente, que conheço a anos, que tudo aumentou mesmo desde setembro... rs
Continuarei a fazer compras nos supermercados japoneses... rs
Ainda bem que não sinto falta de carne vermelha... rs

domingo, 28 de dezembro de 2014

E hoje é dia de Festa!!! Aniversário do Cão!!!



Hoje é dia de festa aqui em casa!!!
Alegria!!! Alegria!!!
Hoje, 28 de dezembro de 2014, meu amigo, companheiro Cão, 
está completando 11 aninhos de vida!!!
Esse guerreiro que venceu tantas batalhas esse ano,
como muita alegria e uma força enorme!!!
Meu filho!!! Com muito orgulho!!!
Feliz Aniversário!!!
Parabéns Cão!!!!



sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Aprendendo sempre....



Estes dias aconteceu algo bem desagradável, pelo menos eu achei isso e ao decorrer da postagem, você vai entender.
Quem nos acompanha, seja aqui ou pelo facebook, sabe que no final do ano passado, por volta do mês 10, as coisas ficaram um pouco complicadas.
Tive que achar e alugar um apartamento nas pressas, por problemas com o vizinho de baixo.
Não paguei luva para alugar este apartamento, mas paguei várias taxas e o preço da reforma.
Para isso fiz um empréstimo.
Contratei uma firma de mudança e comprei o que era necessário para esse apartamento.
Tanto a mudança com as compras, foram divididas em suaves parcelas rs
Como sabem, já neste ano, as coisas com o Cão ficaram complicadas.
Cirurgia para retirada de um tumor.
Complicações na cicatrização e abertura de pontos. 

 Cão depois da segunda cirurgia

Uma correria enorme e doideira e mais gastos.
Tinha que ir praticamente todos os dias para ele trocar o curativo e todo dia é claro cobravam algo.
Depois veio a quimioterapia, que era um tanto no total e no fim o montante já estava três vezes o valor dito quando descobri o segundo tumor e ele operou novamente.
Nisso teve a castração do Hiro.
Eu ganho por hora, e geralmente num ano, 4 meses trabalho pouco e 8 meses bastante, compensando os 4 de pouco trabalho e ajudando nas contas anuais.
Mas, este ano foi o contrário, trabalhamos apenas 4 meses com horas extras e 8 meses apenas 8 horas por dia.
Isso, somando com todas as despesas do ano passado que estavam divididas em vezes e as desse ano, me faliram.
Como o Hiro estava me deixando doido, por ser novo e super ativo, eu pensei em pegar um irmão para ele. Os gastos que tenho com o Hiro, são realmente baixos por mês.
Mas, o que aconteceu, foi que o Dengo veio doente e ninguém sabia...
É claro que a Neusa, que tem um gatil, nem desconfiava que ele estava com fungo (kabi) e eu muito menos.
Ai quando o kabi se manifestou, já era tarde, ele já tinha feito amizade com o Hiro e os pequeninos e a doença se espalhou por todos eles.
Eu fiquei desesperado e pedi ajuda para a Neusa, deixando claro que iria pagar depois, pois no momento eu realmente não teria como arcar com essas despesas extras.
Ela ficou de me ajudar com o tratamento e a segunda dose da vacina do Dengo, mas como ela atropelou um labrador na época, teve que arcar com as despesas do acidente e só pode nos ajudar com ¥ 5.000, que não chegava a pagar sequer a primeira consulta.

Dinheiro enviado pela Neusa

Mas, como eu escrevi a ela, que não tinha problema, que os filhos eram meus e eu tinha que arcar com a responsabilidade.
No fim, foi aquele rombo no cartão rs e ainda está sendo, porque ainda não melhorou.
Minha sorte foi que a loja Green Life (Clique aqui), teve a ideia de um rifa.
Eu fiquei sem saber o que fazer, pois não achei que conseguiria vender, mas a loja doou o prêmio e o Grupo TNR (Clique aqui) doou a cartela.
Nem acreditei quando em apenas 4 dias consegui vender os 30 nomes na rifa!!!
Todos foram muito amigos e me ajudaram comprando vários nomes.
Além disso, mais duas pessoas me ajudaram, doando aos pequenos presentes.
Nem uma semana depois, levei o Cão para fazer uma consulta, para ver o que era aquela bolinha que estava crescendo nele e no fim, era um novo tumor e lá ele ficou no mesmo dia para ser operado...
A cirurgia foi um sucesso e ele já está em casa e ótimo!

Rifa vendida

Bom, deixa eu me explicar.
Esta postagem explica resumidamente os gastos que tive nesses meses todos e o quanto trabalhei.
Em 10 anos que tenho meus pequenos, nunca tinha passado por algo similar, de chegar ao ponto de não ter dinheiro para nada, nem pagar as despesas.
Mas, desta vez aconteceu e foi com a ajuda de muitas pessoas, que com certeza fiquei surpreso e feliz, que estamos conseguindo sair disso.
O mais engraçado disso tudo, é que nenhuma das pessoas que me ajudaram, em momento algum duvidaram na minha honestidade, mas foi justamente uma certa pessoa que nada fez, que foi a público dizer absurdos ao meu respeito.
Será?! 
Não, não será! Foi verdade mesmo.
Infelizmente, três pessoas, que nem se falam, falaram a mesma coisa. Não para fazer fofoca, mas para me avisar.
Esta pessoa disse algumas barbaridades e algumas verdades, como do tipo, porque tinha adotado mais um se não tenho dinheiro.
Olhem bem, Deus sabe o que faz.
Eu já disse os motivos pelos quais adotei o Dengo e não me arrependo mesmo.
Dengo é super arisco com pessoas e quem iria adotar um gatinho que não gosta de humanos?
Para onde ele iria?
A Neusa mesmo falou que se eu não o adotasse, ela teria que ficar com mais ele, e já tem mais de 70...

 Um dos recibos da Clínica Veterinária

E já imaginaram se essa doença se manifestasse no Gatil da Neusa, como já aconteceu uma vez?
Já imaginaram o trabalho e gastos que ela teria?
Será que não foi providência Divina que fez ele vir aqui para casa?
Por pior que esteja sendo, sinceramente, acredito que no Gatil seria muito pior.
E ao contrário do que esta pessoa disse, eu nunca pedi dinheiro para ninguém. 
Disso eu tenho a certeza!
Ofereci a rifa sim e meus amigos e amigas compraram para nos ajudar.
Sim, dois amigos, que estão numa situação bem parecida com a minha, ainda depositaram um valor à mais para nos ajudar!
Agente aprende que são os que menos tem é que não se importam de ajudar e aqueles que já tiveram ou tem um pequeno de quatro patas em casa.
Eu aprendi muito e estou aprendendo muito com tudo isso que está acontecendo e digo que Deus sabe o que faz.
Vejam bem, não, eu não ligo para o que essa pessoa disse, de verdade.
E sabe o por que?
Porque se eu lhes contassem um pouco da vida dessa pessoa, com certeza vocês perceberiam como é uma alma ainda tão apegada a matéria e que é de ter pena...
Fiz esta postagem porque aprendi muitas coisas com tudo que está acontecendo e sempre compartilho minhas experiências com vocês.
Amigos e amigas daqui do Japão, me ajudaram sem pensar.
Até amigos e amigas do Brasil quiseram ajudar e alguns realmente ajudaram!
Eu não quero citar nomes, porque muita gente não gosta de ver seu nome assim, em público, então... rs
Percebi que sou querido por muita gente e vou contar para vocês, que existiram dias que eu achava que estava sozinho nesta luta, mas descobri que não, não mesmo!!!
Sempre ouvi dizer que aquele que tem menos é o que mais compartilha e vi que realmente é verdade!!!

Então, o nosso MUITO OBRIGADO à todos vocês que nos ajudaram de qualquer forma!!!

Um abraxo enorme do tamanho do mundo e lambeijocas dos pimpolhos aqui de casa!!!

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Macumba existe?!

Meus amigos(as),

eu sei que esses dias postei no nosso perfil do facebook, o seguinte:


Vejam bem, eu nasci no Kardecismo.
Apesar de ter sido batizado (qual pai ou mãe antigamente não batizava seu filho(a) as pressas!!!), fiz primeira comunhão, mas nunca me considerei católico.
Lembro-me muito bem que quando pequeno ia a um Centro Espírita Kardecista no Bairro das Perdizes, onde residi até meus 4 anos. (Não me lembro o nome do lugar).
Depois começamos a frequentar a Casa Espírita Luz Divina, no Bairro Itaim Bibi, onde residi até meus 16 anos.
Lembro-me do Evangelho no Lar que minha mãe fazia todas as semanas.
Lembro-me também que aos 14 anos fui frequentar um Terreiro de Umbanda, onde aprendi muitas coisas, principalmente, que não é "minha praia" rs.
Respeito qualquer religião, menos uma, enfim, não tenho problemas com outras crenças ou fé.
Aprendi nos livros, nas conversas com espíritos e com pessoas muito experientes, sobre energia, força astral, trabalhos, macumbas e etc...
Aprendi que um simples pensamento pode levar energias positivas ou negativas à alguém.
Aprendi que macumba existe sim, que é um trabalho onde é envolvido espíritos ainda muito ligados a matéria, que tentam de alguma forma fazer o que lhes foi pedido, tendo em troca alguma coisa, ou coisas.
Mas, acima de tudo, aprendi que nada, ABSOLUTAMENTE NADA nesse mundo acontece sem a permissão de Deus!!!
Já viram aqueles acidentes de carro onde o carro simplesmente tem perda total e a pessoa sai ilesa?
Pois é, aprendi que às vezes é mais fácil para os espíritos protetores jogarem essa energia negativa em algo material do que tentar transformá-la em positiva.
Aprendi que a inveja existe também.
Mas, como escrevi acima, aprendi que se Deus não quer, nada lhe acontece.
Se alguém lhe fez algo, por maior que seja, se Deus achar que você não merece aquilo, pode crer, não vai lhe atingir.
Eu brinquei e ao mesmo tempo falei sério, porque realmente este ano foi muito difícil.
Um problema atrás do outro, sem muitas vezes o anterior ter acabado.
Mas, preciso deixar claro que foi um desabafo.
Pode até ser que alguém tenha inveja ou feito algo para Nós, mas sinceramente, eu ainda creio que estamos passando por aquilo que precisamos passar para aprender algo.
Acho que conseguem entender o que quero dizer, que mesmo que tenham ou não feito algo, só me atingiu ou não, se Deus achou que eu devia e precisava passar por isso.
Em um ponto eu acho que já aprendi algo.
Quem me conhece, sabe que sou orgulhoso, mas não só por causa do orgulho, mas por outros motivos, eu não gosto de pedir nada à ninguém, principalmente dinheiro.
Me viro nos 30,  como arroz com arroz, mas me viro.
Mas, desta vez tive que aprender a aceitar a ajuda dos meus amigos.
Confesso que doeu um pouco no começo rs, mas o carinho dos amigos(as) foi tão grande, que se transformou num sentimento de total alegria e agradecimento.
Algumas pessoas me criticam por eu me expor tanto aqui no Blog ou no Facebook, falando dos dog's, cat's e tal, mas elas não entendem que é através daqui que mantenho meus amigos(as) informados sobre o que acontece em nossas vidas.
É aqui, ou lá no face, que conto para meus amigos(as) o que anda acontecendo no dia a dia.
Também assim, divido, compartilho experiências que outras pessoas podem passar.
Acabo conhecendo pessoas e que muitas acabam se tornando amigas(os) de verdade.
Por isso, quero aproveitar e agradecer à todas as pessoas, amigos e amigas que nos tem ajudado nesse período de turbulência!!!
Que Deus esteja com todos vocês!!!

Big abraxo e lambeijocas dos pequeninos!!!

domingo, 21 de dezembro de 2014

Como tratar a micose em gatos



Tudo sobre micoses em gatos, aprenda um pouco sobre os tratamentos, saiba como diagnosticar e como tratar o ambiente. Veja também, algumas curas naturais que podem aliviar os sintomas das micoses em gatos

O que é micose?

A micose é causadas por fungos e pode ser considerada uma das infecção de pele que mais frequentemente acometem os gatos. Os fungos são um grupo de parasitas microscópicos. Estes organismos são chamados dermatófitos que de forma simplificada, podemos dizer que se tratam de “plantas” que vivem sobre a pele. Na verdade, existe um grupo com três gêneros de fungos que são conhecidos como dermatófitos, eles causam infecções dermatológicas tanto em animais quanto em humanos que são chamadas de dermatofitoses.

E existe mais de um tipo de fungos que provocam micose em nossos gatos?

Os gêneros das formas anamórficas dos principais fungos que acometem os gatos são:

Microsporum canis – transmitida de gato para gato ou de um cão para um gato
Microsporum gypseum – geralmente gatos infectam-se devido ao solo ser contaminado
Trichophyton mentagrophytes – geralmente gatos infectam-se através de contato com roedores, também é a forma mais comum de micoses em gatos.

Os dermatófitos causam infecções na pele, pelagem e unhas devido à sua característica de alimentar-se da matéria queratinizada. Estes micro organismos acabam colonizando os tecidos do animal, exatamente por estarem buscando pela queratina e causam inflamação como resposta do organismo do gatinho, ou seja, a inflamação é uma reação bioquímica do metabolismo do animal. Geralmente a micose atinge a camada superior da epiderme, que está em constante renovação. Estes fungos tem uma grande dificuldade de penetrar nos tecidos vivos de gatos que estejam com o sistema imunológico respondendo normalmente.

O que causa micose em gatos?

Como já podemos perceber até aqui, as infecções fúngicas que acometem os gatos, como o próprio nome diz, são causadas por fungos e são muito mais comuns do que muita gente pensa. A maioria delas é bastante contagiosa e não é transmitida apenas de um gato para outro gato, mas também pode ser transmitida por roedores ou até mesmo de pessoas para gatos e vice versa. Fungos que causam a micose podem também viver na terra, na grama, em pisos, em pentes, em toalhas, em tapetes e carpetes, em plantas e na própria pele e pelos dos bichanos e outros animais.

Algum gato pode estar mais suscetível a pegar micoses do que outro?

Qualquer animal está sujeito a desenvolver micoses, no entanto, principalmente animais mais novinhos, costumam estar mais sujeitos a desenvolver micoses, exatamente por ainda não terem um sistema imunológico bem desenvolvido. Também é mais comum que animais idosos ou gatinhos que por algum motivo, estejam com resistência baixa, tenham maior probabilidade de ter micose de pele. Em geral gatinhos imunodeprimidos são basicamente mais vulneráveis a desenvolver micose. Gatos de pelagem longa também são mais propensos a desenvolver micose do que os gatos de pelagem curta. Evite submeter seu bichano a situações de stress, esta também é uma das condições que podem diminuir a imunidade de seu peludo e acabar possibilitando o surgimento de doenças incluíndo a micose.

Muitos gatos são portadores assintomáticos de Trichophyton mentagrophytes, mas devido a seus organismos estarem imunocompetentes, não apresentam micoses. Muitas infecções fúngicas em felinos, na verdade são transmitidas para os gatinhos à partir de contato com pessoas infectadas e é importante que essa possibilidade não seja subestimada, porque quando a micose não é tratada o mais cedo possível, pode tornar-se muito inconveniente para seu felino, causando grande incomodo, coceira, feridas e além de demorar muitas semanas para desaparecer completamente.

Como faço para saber se meu gato está com micose?

Para reconhecer se seu gatinho está sofrendo de micose, observe as regiões onde seu gato apresenta perda de pelos. Normalmente estas regiões tem aspecto de manchas circulares com perda de pelagem e ficam em regiões como pescoço e dobrinhas, como virilhas e axilas, interior dos dedinhos e regiões internas das coxas, mas também podem ocorrer em outras áreas do corpo de seu gatinho. Fique atento basicamente a falta de pelos, mesmo que não haja necessariamente marcas vermelhas e coceiras. Outros sinais podem ser: seborreia seca (um tipo de caspa), pele seca, onicomicose que é quando acontece a infecção das unhas, também causada por fungos que se alimentam da queratina das unhas. Gatos que estão sofrendo de micose fúngica, tendem a coçar e lamber a região infectada de forma bastante repetitiva. Caso seu felino esteja apresentando estes sintomas, falta de pelos e coceira, possivelmente ele deve estar com micose. Neste caso, é sempre muito importante que você leve-o imediatamente ao veterinário para fazer uma consulta, a única pessoa capaz de confirmar se o que seu gatinho tem é micose ou outro tipo de problema é um veterinário, após fazer exames e todas as verificações necessárias.

Micose em gatos é contagiosa?

Sim, também como já comentamos anteriormente, a micose é altamente contagiosa e a Microsporum canis em particular, pois tem como característica propagar-se de gato para gato, gato para cachorros, podendo também serem transmitidas de seu pet para sua família e vice versa.

Como meu gato pode ter pego micose?

Seu gato certamente esteve exposto de forma direta a um ambiente contaminado, a um objeto contaminado, ou a um outro animal ou pessoa contaminados, no entanto, nunca é demais repetir que gatos que desenvolvem micoses provavelmente tem algum problema imunológico subjacente e portanto é imprescindível que você consulte seu veterinário para verificar mais aprofundadamente como anda a saúde de seu peludo.

Como prevenir a micose em meu gato?

Após os banhos seque sempre muito bem seu peludo, principalmente nas dobrinhas, embaixo dos braços e nas virilhas e não esqueça da importância de secar entre os dedinhos das patinhas. Ficar com a pelagem molhada por muito tempo pode ser um problema para seu bichano. Evite também durante o banho, o contato prolongado com água, shampoo e sabão, estes produtos podem abalar as defesas naturais da pele de seu pet. Procure manter o organismo de seu gatinho sempre imunocompetente, com uma dieta balanceada e de boa qualidade. Mantenha visitas periódicas ao veterinário, evite o contato com animais de rua e não esqueça da importância da vacinação e da vermifugação.

O que é tinha? Tinha também é micose?

A tinha é uma infecção de pele que é causada por um fungo. A característica mais comum, é a perda de pelos em pequenos lugares, é comum aparecer várias manchas de tinha na pele do animal simultaneamente. Ao contrário do que o nome sugere, é uma infeção causada por fungos e não por vermes. A Tinha pode se tornar bastante “agressiva”, pois alastra-se com certa facilidade, é extremamente contagiosa, podendo passar tanto de gato para outros animais e vice-versa, como de pessoas para animais e vice-versa e demora algum tempo para ser curada.

Se seu gatinho estiver com tinha, provavelmente ficará com falhas por todo seu corpo, mas não fique alarmado, após o tratamento a pelagem vota a crescer.

Como faço para tratar um gato com tinha (micose)?

Se seu veterinário diagnosticou seu peludo com o tipo de micose Tinha, é importante que você tenha uma higienização do ambiente mais rigorosa. Comece lavando muito bem os lugares que seu gatinho costuma ficar, aspire a casa toda com mais frequência do que o habitual, para impedir a proliferação dos esporos ( unidades de reprodução de fungos) no ambiente.

A tinha é um tipo de micose muito frequente em crianças e gatos e os sintomas e tratamento são similares. Como já falamos anteriormente, o stress geralmente pode ser responsável pelo surgimento da micose tinha, mesmo que este tipo de micose por fungos seja extremamente contagioso. Não é incomum que casas onde vivem mais de um gato, apenas um dos animais da casa manifestem esta micose e também pode acabar sendo recorrente.

Se você observar que um de seus gatos está com tinha, no entanto não houve o contágio com outro animal da casa, evite isolar o animal que esteja com micose do convívio com outros animais e com sua família, porque esta ação aumentará o stress do animal com micose e assim será um possível propulsor que desencadeia o crescimento dos fungos.

Como é feito o diagnóstico da micose?

1. Uma das formas de fazer o diagnóstico de micose é através da utilização de uma lâmpada ultravioleta para observar a região da pele acometida pela micose, no entanto apenas cerca de 50% das cepas de micose podem ser observadas através desta técnica.

2. Provavelmente seu veterinário irá realizar um exame microscópico da pelagem de seu gato, procurando investigar a presença de fungos nos pelos do animal. No entanto este exame não é muito preciso e o veterinário poderá não encontrar a presença de esporos na amostra recolhida para exame.

3. A cultura fúngica é uma opção mais eficiente que envolve a retirada de pelos da área afetada. Este material é enviado para um laboratório que será capaz de diagnosticar a espécie exata do fungo. O resultado deste exame pode levar alguns dias, mas é bastante preciso.

4. Se seu veterinário tiver alguma suspeita pode sugerir a retirada de amostra de pele para realização de uma biópsia fungóide.

Cuidados básicos para quando seu gato é diagnosticado com algum tipo de micose?

Se seu gato foi diagnosticado com micose, tenha em mente que você terá que tratar tanto o gato quanto o meio ambiente. Se você mora em uma casa que tenha mais de um gato, é interessante que mesmo que apenas um dos gatos apresente os sintomas todos os gatos sejam tratados, se no caso você tiver também cachorros ou outros pets também deverá tratá-los. É importante a higienização da casa, e a limpeza da pele dos animais. É indispensável que você siga a risca os conselhos de seu veterinário. Em gatos saudáveis, micoses, geralmente levam entre a 2 a 4 meses para serem erradicadas por completo. E grande parte da importância do tratamento é evitar a re-infecção para que esta micose não se torne crônica. Não se esqueça que a micose é em geral contagiosa, podendo afetar todos os moradores da casa, inclusive você e sua família.

Quais são os tratamentos para micose em gatos?

Shampoos específicos para micose contendo enxofre podem ser eficientes. Uma tosa, principalmente em gatos de pelagem longa pode ser de grande ajuda para aumentar a eficácia do tratamento e diminuir a disseminação da micose no ambiente. Seque sempre muito bem a pelagem de seu peludo, pois em geral estes produtos utilizados para combater fungos podem ser tóxicos para ele.

Os banhos devem ser frequentes, pelo menos duas vezes por semana. Seu veterinário também poderá indicar shampoos medicinais apropriados para cada tipo de fungo. Alguns medicamentos podem ocasionar inclusive um amarelamento da pelagem, com o tempo voltará tudo ao normal, não fique alarmado com isso.

Existem vários remédios anti-fúngicos inclusive alguns desenvolvidos especificamente para uso em gatos. Estes remédios anti fúngicos inibem a multiplicação dos fungos. Isto permite que o sistema imunológico do gato retome a capacidade de combater a infecção causada pelos fungos. A administração destes remédios é via oral e só pode ser utilizada com prescrição veterinária. Não devem ser utilizados em fêmeas gestantes ou que tenham intensão de acasalar, pois estas drogas podem afetar o desenvolvimento dos fetos. Estas drogas também podem desencadear efeitos colaterais em alguns bichanos, como enjoo, febre, cansaço, anemia, diarreia, portanto póros e contra de medicamentos devem ser avaliados junto ao seu veterinário antes de ser uma opção de tratamento para seu gato.

Existe uma vacina contra micose em felinos?

A empresa Fort Dodge lançou nos EUA uma vacina contra microsporum canis, a alguns anos atrás, porém esta vacina saiu de linha por não ter uma venda expressiva, já que esta enfermidade é auto-limitante. Existem informações a respeito de vacinas de outras empresas, mas até o momento da conclusão deste artigo não conseguimos confirmar se na realidade estas vacinas estão disponíveis no mercado. Portanto aparentemente não exitem vacinas para micoses em felinos.

A forma mais eficiente de combater a micose em gatos é a limpeza diária, tanto lavando bem os pisos e utilizando aspirador de pó, descartando o saco do aspirador regularmente, quanto fazendo uso de água sanitária diluída (1 p/10 partes de água ou Líquido de Dakin) para limpar os móveis, e passar na pelagem do gato. É importante não deixar de limpar os móveis a fim de desinfetar, tanto as mobílias quanto estofados, cortinas, tapetes e carpetes, incluindo os paninhos e caminhas onde seu gato fica. Se puder utilizar higienizadores a vapor, o resultado pode ser melhor. Em áreas externas você pode utilizar vassoura de fogo.

Posso pegar micose do meu gato?

Como já falamos anteriormente a micose causada por fungos é extremamente contagiosa e tanto pode ser passada de você para seu gato como de seu gato para você. Portanto se alguém de sua família tiver contraído micose, evite contato com seu gato e comece a tratar o ambiente em que você fica da mesma forma que indicamos para caso de micose em gatos. Procure um médico e um veterinário para seu gato e siga os conselhos de ambos a fim de evitar o contágio.

Alguns gatos podem acabar tendo infecções secundárias, apresentando micose ou escabiose, associadas à piodermites. A aparência é muito semelhante o que dificulta o diagnóstico.

Problemas hormonais podem desencadear micose em gatos?

Diabetes mellitus, hipotireoidismo que é a diminuição da atividade da glândula da tireoide e hiperadrenocorticismo que é o aumento da atividade das glândulas adrenais, são patologias que diminuem a imunidade do organismo do gato e assim podem desencadear piodermites crônicas que melhoram mas podem voltar depois de um tempo. Gatos com hipertiroidismo tem um aumento da oleosidade da pele, o que pode contribuir com o surgimento de doenças da pele.

Existem tratamentos naturais para gatos com micose?

Se a região da pele de seu gato a ser tratada não for muito extensa, mas existem infecções causadas por coceira ou lambedura o veterinário irá prescrever um tratamento com algum creme tópico ou um tratamento com medicamento oral, ou outro modo de aplicação. No entanto, também há algumas maneiras naturais de curar a infecção fúngica de seu gato, que podem ser associados inclusive com a terapia tradicional, obtendo excelentes resultados.

Um excelente remédio contra infecções fúngicas que você pode utilizar no animal é o óleo de melaleuca (também conhecido como Tea Tree Oil ) ele é um óleo natural conhecido por atuar como antifúngico, antibacteriano, antiviral muito eficaz.

Outra forma alternativa para o tratamento da micose em gatos, podendo ser administrado como auxiliar valioso no tratamento da micose, sendo inclusive utilizado ao mesmo tempo com o óleo de melaleuca é o oleato de Hipericão. O óleo ou oleato de Hipericão é usado como cicatrizante e proporciona um efeito de regeneração da pele bastante positivo, aliviando a dor da ferida.

O extrato de própolis com semente de uva acabou reunindo em um único produto sistêmico duas soluções muito boas contra infecções fúngicas. O própolis tem ação anti-inflamatória, antimicótica, atuando sobre alguns fungos e leveduras, principalmente micoses e a semente de uva ajuda no tratamento de doenças de pele.

O tratamento ideal é associar todos os tratamentos, a higiene do animal e da casa, com o complemento natural e a terapia tradicional.

Se seu gato estiver debilitado, ou já for velhinho, fale com seu veterinário se existe alguma indicação extra, como por exemplo um complexo vitamínico contendo taurina, já que muitas vezes a micose é desencadeada devido ao organismo do animal estar imunodeprimido ou estressado, assim como acontece com as pessoas.

Se seu gatinho não tem fungos, uma alternativa que ajuda evitar fungos e mantém a pele do seu gato saudável e brilhante, é adicionar ocasionalmente óleo de linhaça ou óleo de girassol na comida do gatinho, para que ele possa ingerir ácidos graxos, que é importante para a manutenção sua beleza e saúde.

Durante todo o período em que seu gato estiver com micose, evite acariciá-lo, tanto para prevenir que a micose passe para você e sua família, quanto para evitar que a infecção se alastre no corpinho de seu peludo, resultando no surgimento de novas lesões.



quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Agência Meteorológica alerta para forte tempestade de neve e vento em todo o Japão


A Agência Meteorológica do Japão divulgou a previsão de ventos fortes e tempestade de neve em todo os país até quinta-feira (18). O mau tempo dos próximos dias poderá causar avalanches em regiões montanhosas, devido ao acúmulo de neve dos dias anteriores, e transtornos no transporte público.

Segundo a agência, duas massas de baixa pressão irão convergir nesta quarta-feira, causando fortes ventos e queda na temperatura em todo o Japão. Para esta quarta-feira, a previsão é de neve para todo o país.

Confira a previsão de neve para esta quarta-feira:

Hokuriku: 100 cm
Hokkaido: 80 cm
Kanto Koshin: 70 cm
Tokai, Tohoku, Chugoku: 60 cm
Kinki (norte): 50 cm
Toda a região Oeste: 10 ~ 30cm



terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Enviar dinheiro do Brasil para o Exterior sem burocracia


Remessa de dinheiro do Brasil para o Japão sempre foi um problema.
A alguns anos atrás, recebi uma remessa através do Banco Itaú e digo a vocês que além de ter demorado dias, uma burocracia enorme, demorou mais de uma semana só para conseguir mandar o dinheiro.
E pasmem, quem conseguiu decifrar os códigos que eles tanto exigiam, fui eu e não a gerente da agência... rs
Mas, as taxas que cobraram e tudo mais, consumiu mais de 25% do dinheiro enviado...
Mas, uma amiga achou uma forma muito prática de mandar, utilizando um dos serviços do CORREIOS.


Chama-se "Vale Postal Eletrônico - Internacional".
Clique aqui e veja os detalhes no próprio site do CORREIOS.
Depois que a pessoa manda o dinheiro para cá, você recebe uma carta registrada em sua casa.
O que isso quer dizer?
Isso quer dizer que você vai ter que assinar esta carta quando recebê-la rs
Depois é só ir numa agência do Banco do Correio japonês, com o inkan e algum documento com seu endereço: gaijin toroku shomeisho ou Zairyu Card.
Ai é só preencher os campos indicados pela atendente do banco.
Com certeza ela vai lhe pedir para escrever tudo em kanji, mas pode ficar tranquilo rs, é só dizer que não escreve e poderá preencher tudo em letras romanas.
Até o uso do inkan pode ser dispensado, dizendo que vai assinar.
Depois é só entregar no caixa e esperar para que tudo seja confirmado, façam a troca do dinheiro (pois de real passa para euro que passa para yen rs) e pronto!


Uma outra forma prática também é enviar dinheiro via Paypal.
Na verdade, no site, eles não escrevem nada como "enviar" dinheiro e sim "pagar" alguma compra.
O que acontece, é que o Paypal é um site que "camufla" seu cartão de crédito quando você faz compras pela internet. Um modo seguro.
O procedimento também é bem simples.
Primeiro, é claro, você deve abrir uma conta no site do Paypal (Clique aqui e entre no site), para isso você deve ter um cartão de crédito em mãos.
Depois da conta aberta, é só você seguir as instruções para fazer um pagamento, que será na conta de uma outra pessoa que também deva ter uma conta no Paypal.
Não há números, você apenas deve escrever o e-mail que a pessoa utiliza nessa conta.
Se for dinheiro para o exterior, é só calcular em dólar quanto você quer enviar, escrever a quantia e pronto!
No mesmo instante a pessoa recebe o dinheiro em qualquer lugar do mundo.
Agora, para a pessoa que recebeu esse dinheiro poder sacar no banco, ela deve vincular sua conta do Paypal também com sua conta bancária e a transferência do Paypal para o banco demora de 3 a 6 dias.

Fica a dica!

Abraxos.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Nos últimos dez anos


Nos últimos dez anos demos as mãos e resolvemos caminhar juntos.
Não como um só, pois como “dois” somos maiores, mais fortes; nos apoiamos nas escaladas dos dias, um promovendo o outro para o Alto; nos amparamos na iminência de cada possível queda, um segurando o outro.
Como “dois” somos diferentes e nossas diferenças se completam, provando que pode haver harmonia no Universo, mesmo quando os pensamentos são distintos, mesmo quando as opiniões são opostas.
Nos últimos dez anos iniciamos uma vida dentro de uma vida, pois nosso encontro foi um renascimento.
Como era a vida antes do “nós”? Antes de nos conhecermos? Parece, às vezes, uma lembrança de outra existência, pois este novo viver é tão vibrante, tão intenso, que dez anos parecem quase cem.
Nos últimos dez anos nos demos filhos... E com eles vieram tantas coisas...
Veio a maturidade pois ter esses seres sob nossa responsabilidade é um convite ao amadurecimento.
Voltamos a ser crianças em tantos aspectos... Nos melhores deles, aliás...
Ao mergulhar, diariamente, no mundo dos pequenos, voltamos a ser como eles um pouco. Acordamos nosso menino e nossa menina de ontem, e brincamos todos os quatro juntos, felizes...
Com a chegada dos filhos se foi um pouco de nosso egoísmo... Sim, agora parece muito mais natural pensar no outro e esquecer um pouco de nós.
Vivemos em função deles e isso nos faz bem, nos completa, nos traz alegria, não pela ideia de recompensa, pois não nos preocupamos com isso, mas pela simples possibilidade de servir...
Nos últimos dez anos criamos uma nova família e já começamos a compreender a palavra “legado”.
Nos últimos dez anos aprendemos que se um não ouvir o outro, o amor fica surdo.
Nos últimos dez anos o amor mudou de cor, de cheiro, de gosto, de toque. O amor transmutou, mas nunca deixou de ser amor... E nunca deixou de crescer.
Nos últimos dez anos... eu sempre quis voltar para casa para ver você...

* * * * * * * * * * * * * * * * * *

A união permanente de dois seres é um progresso na marcha da Humanidade.
É grande golpe sobre o egoísmo e o orgulho, quando levamos a sério esse compromisso valioso e intenso que nos alça aos mais altos voos da evolução.
A solidariedade fraterna que ele estabelece nos convida a pensar no outro, a considerar o outro, a doarmo-nos espontaneamente.
Dez, trinta, cinquenta, setenta anos de casamento em harmonia, mesmo passando por inúmeras tribulações – bem naturais ainda no mundo – representa vitória do amor sobre as trevas, vitória da luz sobre as sombras.
 
* * * * * * * * * * * * * * * * * *

Acredite em seu casamento. Acredite no amor maduro que suporta e supera tudo.
Não crie ilusões de relações perfeitas num mundo de seres imperfeitos. Não crie expectativas em demasia. Não espere nada do outro. Espere de si mesmo.
Surpreenda, encante, marque sua história, ame intensamente e torne inesquecíveis a sua vida e a vida do outro.

Redação do Momento Espírita, com base no texto Nos últimos dez anos, de Andrey Cechelero.
Em 4.12.2014.

sábado, 13 de dezembro de 2014

Cão luta contra o Câncer - Terceira Cirurgia do Cão


 Deitadinho na cama como ele tanto ama

Pois é, terceira cirurgia este ano para retirar um tumor do Cão...
Coitado do meu filhote!!!
O que me conforta, é que ele é surpreendentemente forte!
Como sabem, esta história começou a três anos atrás, quando o Médico Veterinário diagnosticou erroneamente um tumor com uma simples bola de gordura...
Depois de três anos, que esta bola começou a crescer rapidamente.
Após a cirurgia que fui informado que era um tumor maligno...
Algumas semanas após a primeira cirurgia e todas aquela complicações que se sucederam, fazendo carinho nele, achei mais uma bola, que já estava enorme, mas desta vez dentro dele.
Achei um absurdo na época eu ter achado e não a Médica Veterinária, pois, penso eu que se eu fosse médico, sabendo que a criatura está com esse tumor a três anos e que pode se espalhar, eu faria um exame completo na pessoa ou no animal.
Pelo menos, penso eu assim...

 Tem que ficar na casinha para andar o menos possível.
Assim, os pontos cicatrizam mais rapidamente.

Enfim, foi feita a segunda cirurgia, mas o tumor era muito grande e me lembro bem que após a cicatrização,  ficou em uma parte, uma pequena saliência, que a própria Veterinária disse que estava preocupada, pois poderia ter ficado ainda algumas células canceríginas.
Mas, deu para entender que realmente não tinha como tirar mais do que tinha sido tirado.
Infelizmente essa "saliência" com o tempo se tornou uma pequena bola e de semana passada para cá, ela foi aumentando rapidamente.
Já mais experiente, nesta quarta-feira, fui na Clínica Veterinária para a Médica ver o que era.
Ela fez o exame rápido, colhendo com uma seringa o conteúdo interno da bola e apareceu células cancerígenas.
Com todo histórico do Cão, ela falou que era um tumor, mesmo não fazendo o exame padrão, que demora uma semana para sair o resultado.
E disse que o melhor seria operar o mais rápido possível.
Foi ver a agenda da Clínica e resolveu operá-lo naquele mesmo dia.
Eu levei um belo de um susto, isso sim.
Não estava preparado para isso.

Os pontos...

Parece drama, mas minha vida está bem agitada nestas últimas semanas e não estou tendo tempo nem para pensar rs.
E ai isso me baqueou mesmo e cheguei até a chorar.
Eu estava com uma amiga japa, a Matsumoto que vem nos levando a Clínica de carro algumas vezes.
Quando sai da sala de consulta, sai para tomar um ar e fumar um cigarro, porque fiquei sem reação.
Conversando com ela, quando dei por mim, as lágrimas já estavam caindo e ela, coitada, tentou me animar.
Mas, não dá tempo de ficar para baixo não, logo em seguida vim para casa e já cuidei dos quatro que aqui estavam me esperando para comer rs
No dia seguinte fui buscar meu filho.
A recepcionista te chama antes para você pagar a conta e depois te entregam o cachorro ou gato. Assim você já sai e pronto.
Quando ela me chamou, falou que não tinha remédio para ele tomar e que só iam dar aquele "abajur" para colocar no pescoço dele.
Ai eu já não gostei e pedi para chamar a Médica, pois ele sempre toma remédio, devido ao fato que quando se tira um tumor, a cicatrização é mais complicada e também porque só o "abajur", não funciona com o Cão rs
Ela não gostou e eu fingi que não vi a cara que ela fez. Simples assim.
Como ela demorou muito, eu não quis nem saber e entrei lá dentro e chamei a outra Veterinária com quem passo quando os problemas são mais simples rs
A Doutora Emiko, Médica do Cão, estava numa consulta.
Ai a Doutora Ono já me trouxe o Cão, que eu estava doido para abraçar e beijar rs, e conversamos.
Nisso a Doutora Emiko saiu da consulta e já chamei ela rs
Falei da falta de remédio e que queria um curativo rs
Nisso, a Clínica naquele dia não estava muito cheia, devido a chuva e apareceu mais médicos e enfermeiros aonde estávamos rs
A Doutora Emiko, que é uma das proprietárias da Clínica, já falou para o povo se virar para arranjar um modo dele não lamber aonde foi feita a cirurgia, enquanto ela falava com o médico que tinha operado o Cão rs.

Não gosto, ele muito menos, mas é preciso...

Eu só vi quando ela puxou o médico para uma sala que a porta é de vidro, então vi tudo rs, e pelo que pude perceber, ela estava dando uma pequena "comida de rabo" no infeliz rs
Saiu da sala com aquela cara de poucos amigos e logo chegou com o remédio para ele tomar e explicando tudo muito educadamente.
Arrumaram umas fraldas para o Cão e pronto rs.
Tudo resolvido.
Até me perguntaram se voltaríamos de ônibus para casa e eu expliquei que seria o modo que eu queria, devido ao baixo preço, mas como para o Cão, recém operado e com dores, com certeza não seria bom, então que voltaria de táxi.
Voltamos finalmente para casa e pude curtir e cuidar um pouco do meu filho.
Só para esclarecer algumas coisas sobre a Clínica Veterinária.
O lugar já foi melhor, confesso, mas sou obrigado a dizer que ainda é um dos melhores lugares que conheço.
O que acontece, é que os donos não são mais casados e o Dono que era o estressado, hoje é o bonzinho e a que era boazinha, a Dona, virou a estressada, pois está praticamente tudo nas mãos dela.
E ela comanda ainda mais três outros médicos veterinários que trabalham para eles.
Então, é muita coisa para uma pessoa só e eu prefiro entender o que está acontecendo do que simplesmente virar as costas.
Existe um clínica que eu gostei muito mesmo, mas eu teria que tomar um ônibus, trem e depois ainda andar rs
A Clínica que fica perto aqui de casa.... Nossa... Depois conto para vocês, porque quero fazer um outro post sobre isso, pois é sobre uma outra doença...
Enfim, agora meu filho está em casa, com a família!
Semana que vem voltará para uma nova consulta e talvez, retirar alguns pontos.
Vamos ver!!!

Eu quero aproveitar para agradecer imensamente a ajuda de todos os amigos e amigas que nesses últimos tempo estão me ajudando muito. Cada qual de uma maneira e estou realmente muito feliz e agradecido.
Peço desculpas por não poder ficar respondendo as mensagens, comentários no facebook, mas é que realmente o tempo está bem curto e não estou dormindo quase nada, apenas 3 horas por dia.
Mas, o serviço voltou a despencar rs e terei mais tempo agora.
Só não sei se choro ou dou risada, porque quanto menos trabalho, menos ganho rs
Mas, os filhos estão precisando de mim rs, então, vou sorrir!!!

Beijos e abraxos!!! 

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Em toda e qualquer circunstância


No período da Segunda Guerra Mundial, o campo de concentração alemão de Ravensbrück, perto de Berlim, era considerado a pior prisão feminina.
As condições de vida eram subumanas. Estima-se que cerca de noventa mil mulheres e crianças ali morreram.
Foi para essa prisão que foram enviadas as irmãs holandesas Betsie e Corrie, detidas em fevereiro de 1944.
Quando foram transferidas para Ravensbrück, esperavam sofrer muito, pois conheciam a má fama do lugar. Porém, ambas eram mulheres de muita fé e confiaram a Deus suas vidas.
Nos primeiros dois dias, dormiram ao relento, sob a chuva. Depois, foram apertadas em um barracão, que fora construído para abrigar quatrocentas pessoas. Eram mais de mil e quatrocentas as mulheres ali abrigadas.
E, para completar, o local era infestado de pulgas.
Nesse lugar lúgubre, as irmãs se sentiam extremamente incomodadas pelos insetos. Entretanto, Betsie se lembrou das palavras do livro bíblico de Tessalonicenses: Dai graças a Deus em toda e qualquer circunstância.
Inspirada por tais palavras, proferiu uma oração, junto à sua irmã, agradecendo a Deus pelo dom da vida, por estarem juntas e até mesmo pelas pulgas.
Corrie, admirada, indagou: Agradecer pelas pulgas? Você está mesmo agradecendo pelas pulgas?
Betsie, serena, limitou-se a responder: Em tudo devemos agradecer a Deus.
O trabalho era duro. A comida era pouca e quem não fosse rápido na execução das tarefas, não recebia a batata e a sopa rala no almoço.
Passaram-se longos e incontáveis meses e as irmãs, diariamente, agradeciam a Deus, pois tinham oportunidade de, naquele alojamento infestado de pulgas, orar, louvar ao Criador e recitar trechos bíblicos.
Agradeciam também pelo fato dos guardas raramente virem até a cela na qual elas se encontravam.
O tempo passou. Betsie morreu na prisão, vítima de enfermidade e Corrie foi libertada, em dezembro de 1944.
Foi então que ela compreendeu o motivo de não serem importunadas pelos guardas, naquele alojamento: eles sabiam da infestação dos insetos no lugar e não chegavam perto.
Sarcasticamente, chamavam a cela de o circo das pulgas.
Com lágrimas nos olhos, Corrie proferiu uma prece de agradecimento a Deus por sua vida e, também, de forma especial, pelas pulgas.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Tudo que está ao nosso redor ganha novo sentido quando somos gratos por aquilo que nos cerca, pelo que somos e pelo que temos.
Quando somos gratos, desfrutamos melhor cada aspecto da vida, pois sabemos observar o mundo em profundidade e verdade.
Percebemos o sentido existente por trás de cada acontecimento, de cada sentimento, de cada conquista, de cada pessoa que entra, que permanece e que parte de nossas vidas.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

A gratidão é um estado de espírito.
Nas palavras de Melody Beattie: A gratidão desbloqueia a abundância da vida. Ela torna o que temos em suficiente, e mais. Ela torna a negação em aceitação, caos em ordem, confusão em claridade.
Ela pode transformar uma refeição em um banquete, uma casa em um lar, um estranho em um amigo. A gratidão dá sentido ao nosso passado, traz paz para o hoje e cria uma visão para o amanhã.

Redação do Momento Espírita, com base no livro O refúgio secreto, de Corrie tem Boom, John e Elizabeth Sherrill, ed. Betânia e citação do livro Codependência Nunca Mais, de Melody Beattie, ed. Best Seller.

Em 8.12.2014.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Especialistas em vulcões preveem grande erupção no Japão

Um novo estudo realizado por vulcanólogos no Japão prevê que uma massiva erupção vulcânica poderá acontecer sem aviso prévio.

O icônico Monte Fuji

Há aproximadamente 3 meses, o Monte Ontake, localizado entre Gifu e Nagano, levou a vida de 57 pessoas após uma erupção.

Agora, os especialistas estão atentos e preocupados com a ocorrência de mais erupções vulcânicas, e que podem ser ainda mais fatais.

De acordo com Yoshiyuki Tatsumi, vulcanólogo da Universidade de Kobe e que analisou dados históricos sobre atividades vulcânicas, a prevista erupção poderá deixar 95 por cento do arquipélago japonês inabitável.

Estatísticas mostram que o Japão tem 1 por cento de probabilidade de sofrer uma grande erupção vulcânica nos próximos 100 anos.

“Uma massiva erupção pode ocorrer em qualquer dia, ou mesmo amanhã”, disse Tatsumi.
Especialistas em vulcões preveem grande erupção no Japão

Caso ocorrer uma massiva erupção vulcânica, 95% do arquipélago poderá ficar inabitável

A última vez que o Japão estava sob uma situação similar foi em 1995, quando tinha 1 por cento de probabilidade de ser atingido por um terremoto. Foi então que um tremor de 7.2 graus destruiu metade da cidade de Kobe, deixando mais de 6 mil mortos.

Com 100 vulcões ativos, o Japão é densamente povoado e está localizado no Círculo de Fogo do Pacífico, uma área onde há um grande número de terremotos e forte atividade vulcânica.

“Estamos sempre nos preparando para possíveis erupções”, disse Hana Kazuya, que faz parte de uma força-tarefa no Monte Fuji.

“Caso o Monte Fuji entrar em erupção, alto-falantes irão emitir ordens de evacuação para mais de 1 milhão de pessoas”, disse Kazuya.

Fonte: The Weather Network e Portal Mie
Imagem: Bank Image


quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

GPS diferente


Eles seguiam pela estrada: três moças e um rapaz. Dirigiam-se a uma localidade, onde se realizava um encontro de jovens espíritas.
Seguiam com o coração em festa. De repente, um barulho enorme: uma das rodas caiu em um buraco, acendendo, de imediato, o aviso eletrônico de pneu furado.
Conduzido o veículo para o acostamento, iniciaram o processo da troca do pneu. Nesse instante, dois malfeitores saem do matagal próximo e caminham em sua direção.
Ao mesmo tempo, aparece na estrada a caminhonete da guarda municipal de cidade próxima. Aproximam-se e logo percebem a movimentação suspeita dos dois homens.
Um dos guardas vai ao encontro deles, enquanto o outro protege o grupo. Os homens se esquivam e fogem.
Na sequência, os guardas auxiliam a troca do pneu e se propõem a escoltá-los até uma borracharia, a fim de ser providenciado o conserto do pneu furado.
Uma, duas, três, quatro. Todas fechadas. As horas da noite avançam, quase alcançando a madrugada. Os dois guardas rodam à frente da caravana, sempre com a maior boa vontade.
Então, o rapaz lê na parte traseira da viatura o lema da guarda municipal: Guardar, Proteger e Servir – GPS.
GPS: um aparelho indispensável nos dias modernos, que não conseguia naquele momento ajudar a caravana, ali se transformou em três verbos que traduziam como dois fiéis cumpridores do dever exercem seu ofício, vivenciando integralmente o lema, nas atitudes que demonstraram no atendimento aos jovens.
Finalmente, uma borracharia aberta. Região simples, mas assinalada por periculosidade. Os dois guardas prosseguem na vigilância.
De dentro da borracharia surge um homem sujo de graxa, franzino, cabelos grisalhos, com sorriso e disposição de garoto.


Seu nome? Salvador! Que nome adequado, que soou como música aos ouvidos dos caravaneiros após as peripécias vividas.
Enquanto aguardavam o veredito sobre a situação do pneu, eles aproveitam para conhecer melhor seus anjos de guarda, indagando seus nomes e de suas atribuições: Valmir Pinto e André Diniz.
Aos agradecimentos respondem, de forma tranquila, que isso lhes constitui dever e pedem que, unicamente, espalhem que a guarda é composta, em sua maioria, apesar de notícias contrárias, vez ou outra, por homens de bem que estão ali para: Guardar, Proteger e Servir.
O conserto não foi possível. Foi preciso comprar um novo pneu. Valmir e André conduzem os viajantes até um hotel, a viatura sempre como escolta, as luzes vermelhas piscando sem parar, salientando aqueles três verbos adesivados na traseira: Guardar, Proteger e Servir.
Que noite e madrugada intensas! E todas as siglas e nomes, para os integrantes da caravana tiveram seus significados transformados em lições práticas nessas quase cinco horas de peregrinação: GPS (Guardar, Proteger, Servir), Salvador, Valmir e André. Tudo e todos foram instrumentos da Providência Divina.
Com gratidão infinita ao Alto em seus corações, os jovens conseguem ter algumas poucas horas de sono antes de prosseguirem viagem, rumo ao seu destino, no dia seguinte.
Em suas mentes, a certeza: Jesus vela por suas ovelhas. E sabe mover pessoas e circunstâncias para as livrar de problemas de maior monta.
Ele é, sim, o Bom Pastor de todos nós.

Redação do Momento Espírita, a partir de fato ocorrido com caravana a caminho da CONJERGS – Confraternização de Jovens Espíritas do Rio Grande do Sul, RS, em data de 20.10.2014.
Em 2.12.2014.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Os Animais após o Desencarne


Deus jamais separa duas almas que se amam.

Sabemos que os animais são Espíritos, assim como nós, humanos, apenas estão eles em um diferente estágio de evolução.

Minerais->Vegetais->Animais->Humanos->Anjos

Sabemos que temos que passar por sucessivas encarnações para evoluirmos, intelectual e moralmente, cumprindo assim a Lei de Evolução.

Todos com um mesmo destino: a Angelitude.

"Do Átomo ao Arcanjo".

-----------------------------------------------------

Nossos irmãos mais novos, os Animais, assim como nós humanos, após o desencarne, são amparados pelo plano espiritual e imediatamente auxiliados por Espíritos encarregados de cuidar deles.
Jesus jamais desampararia seus filhinhos mais novos.
Eles são como criancinhas, as criancinhas do coração de Jesus, o Governador da Terra.

Por serem quase como crianças, eles sequer percebem que desencarnaram, que mudaram de Plano!
Por isso NÃO SOFREM por desencarnar.

E para não sentirem nossa falta, é permitido que nós, seus tutores, os visitemos.
Deus permite que quando desdobrados (ao dormir, por exemplo), nós possamos visitar os animaizinhos, para que estes não sofram.
Eles também nos visitam.

Muitos sonham com seus animaizinhos, e estes sonhos são sinais de que nós nos encontramos com eles, embora nem todos nós consigamos ter essas lembranças.

-----------------------------------------------------

Há colônias específicas para Animais no plano espiritual.

De acordo com suas condições de desencarne e suas necessidades evolutivas, os Espíritos Superiores traçam o mais adequado plano reencarnatório para cada um deles.

Tudo é definido para o BEM do Animal, de acordo com suas especificidades.
Assim, cada caso é um caso.

Podem necessitar de tratamento, inicialmente. Assim, alguns, após o desencarne, são enviados para hospitais no plano espiritual para tratar de seu corpo espiritual (perispírito).

Após o tratamento, eles podem ser encaminhados para TRABALHO ou ESTUDO, ficando no plano espiritual durante algum tempo, ou podem já ser encaminhados para REENCARNAÇÃO.

Alguns reencarnam pouco depois, podendo ser junto de seus tutores da última encarnação ou em novos lares ou condições.
Pode ser ainda que só reencarnem junto a seus últimos tutores em encarnações futuras.

Os que ainda permanecem no Plano Espiritual por algum tempo, conforme já dito, colaboram em trabalhos ou estudam.

No livro Nosso Lar, temos relatos de Animais trabalhando em colaboração aos Espíritos.

Já os “estudos” dizem respeito a ampliar suas capacidades e seu nível de consciência:

“A maneira de crianças tenras, internadas em Jardim de Infância para aprendizados rudimentares, animais nobres desencarnados, a se destacarem dos núcleos de evolução fisiopsíquica em que se agrupam por simbiose, acolhem a intervenção de instrutores celestes, em região especiais exercitando os centros nervosos.”
(Livro “Evolução em dois Mundos”, por André Luiz)

Ou seja: são preparados, ESTUDAM, são ajudados a ganhar mais nível de consciência, novas aptidões, a depender do que precisam para a próxima reencarnação.

-----------------------------------------------------

Devemos sempre confiar na providência Divina.
Não permitir que a tristeza dessa separação provisória tome conta de nós.
Sempre agradecer por ter tido a companhia deles em sua vida aqui no plano terrestre.
E confiar que ainda teremos toda a eternidade para o convívio juntos.

Assim como nós, eles precisam passar por várias encarnações no corpo físico para poderem evoluir.
Não podemos ser egoístas em querê-los aqui para sempre; eles têm o próprio caminho a seguir. Nós mesmos iremos partir daqui um dia para cumprir novos estágios de evolução.

Então, que isso não seja motivo de tristeza, mas sim de gratidão a Deus por permitir que tivéssemos a companhia destes seres tão especiais e pudemos colaborar com sua evolução nesta sua etapa. Assim como eles colaboram conosco, nos trazendo tantas alegrias.

E lembremos sempre que Deus jamais separa dois Espíritos unidos pelos laços de Amor.

Essa separação de agora é aparente e MOMENTÂNEA.

Os animais também fazem parte de nossa família, nossa FAMÍLIA ESPIRITUAL, que é formada não só por humanos!

Iremos encarnar e reencarnar sempre junto de nossos entes queridos, e isso inclui os Animais!

Estaremos, assim, para sempre ligados pelos laços do AMOR: encarnando, desencarnando e reencarnando sempre... Um em auxílio ao outro... Até alcançarmos a Angelitude.


Texto: Espiritualidade dos Animais

Imagem: Jim Warren